Oficina – Desenho: Mapas Mentais (urbanos)

Na manhã de hoje realizamos a Oficina de Desenho – Mapas Mentais (urbanos) no CEU. Apesar da chuva intensa, conseguimos desenvolver toda a atividade que foi separada em: exercícios de desenhos de mapas mentais urbanos, tour no mapa da cidade através do google maps e exploração do espaço através do passeio pelo CEU.

Criamos alguns mapas mentais a partir da nossa memória de interação com os espaços da cidade. Foram 5 mapas criados:

1) Um mapa que representasse a trajetória dos participantes até o CEU para realizarem a oficina;
2) Um mapa que apontasse os pontos de referência que identificassem na cidade;
3) Mapa mental da Cidade;
4) Mapa mental do CEU;
5) E, por último, um mapa mental de ações e iniciativas que os participantes desejavam encontrar em Erechim.

No laboratório de informática, puderam comparar seus mapas mentais ao mapa físico da cidade, identificando onde moram, o trajeto percorrido, pontos da cidade “esquecidos” e pontos referenciais.

O exercício de criação de mapas mentais possibilitam a reflexão sobre aspectos simbólicos e estruturais dos espaços urbanos. Através dessa atividade é possível identificar problemas e soluções urbanas e a formação da identidade local. Para tornar as cidades mais criativas, inclusivas e democráticas é preciso ampliar o nosso mapa mental sobre elas.

A oficina terá continuação com a professora Marcela Alves da UFFS.

Oficina de Sons da Arquitetura

100_4313 - Copia

Nessa terça-feira realizamos uma oficina de Sons da Arquitetura, proposta pela Professora Marcela Alvares da Universidade da Fronteira Sul, Campus Erechim. A ideia era fomentar um momento de troca e reflexão com o pessoal da universidade pública local no CEU. Aproximar a comunidade externa ao bairro Progresso e incentivar o contato com o CEU para possibilitar a troca de experiências e compartilhamento de sonhos e memórias.

A intenção da oficina foi de desenvolver a sensibilidade sonora através do contato com o CEU e a reflexão sobre a construção da acústica dos lugares como um mecanismo criativo de interação entre as pessoas e os espaços.

A maioria dos participantes fazem parte do curso de Arquitetura e Urbanismo da UFFS e pela primeira vez, através da mediação do ArtCidade Erechim com o CEU e a UFFS, os alunos tiveram contato com o Centro. Apesar de existir o projeto “Abraçando o CEU” idealizado pelo coletivo Varanda formado por alunos de arquitetura, poucos deles conheciam o espaço.

Aproximar a comunidade acadêmica do CEU e da comunidade do Progresso foi uma forma que encontramos de dar continuidade às ações de empoderamento do espaço público através da mobilização de possíveis agentes transformadores, pois sabemos que o tempo de 2 meses é muito curto para trabalhar com a autonomia das pessoas do bairro.

Infelizmente o grupo que mais se interessa pelas oficinas, apesar de não possuírem conteúdos academicistas, por enquanto, é o universitário. Realidade que pode e vai ser transformada com o tempo.

Enquanto o ArtCidade Erechim estiver na ativa, estaremos mobilizando os agentes locais a se empoderarem do CEU, inclusive, através de informações e trocas a respeito da 2ª chamada do LabCeus. Tenho certeza que a cidade possui muitas pessoas que poderiam fazer um trabalho mais efetivo e comprometido com a comunidade local.

SARAU do CEU

Registros do evento SARAU do CEU, organizado pelo coletivo VARANDA e pelo CEU no sábado dia 23/05. O evento começou às 14 horas e contou com diversas atividades como: o espaço criança; malabares; peleia de MC’s; apresentações de música; feira de artesanato; etc.

O SARAU foi construído a partir da lógica colaborativa e com o intuito de dar início ao projeto Abraçando o CEU que tem o objetivo de otimizar o uso do espaço do CEU, para que ele se torne uma construção coletiva e contínua.

Contou com o nosso apoio e com a parceria das seguintes iniciativas: Obra Santa Marta; Pastoral da Criança; Centro de Referência de Assistência Social (CRAS); GRIÔS; The Loan’s; CIA DEVASSOS; A.M Cristo Rei; Rei Verde; Cia Primeiro Ato; Coletivo Marias de Luta; Associação de Arte de Rua e Escola Belas Artes.

O evento foi lindo demais, ficamos muito felizes em fazer parte dessa história, e você pode conferir algumas imagens nesse vídeo produzido pelo ArtCidade:

Swing Poi, tour virtual 360º, desenho e vídeos de malabares.

100_4278

Hoje o dia no CEU foi intenso, cheio de atividades. Pela manhã teve um pouco de aula de malabares e uma conversa com o pessoal que trabalha no CEU, com um passeio virtual pelo google mapas no Bairro Progresso para identificar as ruas onde residem. Fizemos em conjunto uma pequena lista de dados sobre pessoas na comunidade que trabalham com artes em geral e hortas.
100_4280

Pela tarde continuamos as aulas de malabares com swing poi e depois iniciamos uma atividade de desenho. Pedi para a criançada desenhar algum lugar na cidade que se identifiquem. A Quélen desenhou a rua onde mora (que é a rua do CEU), o bruno e a Laura desenharam a casa deles, a Ana a casa da tia, o Alan desenhou o Morro e a Vitória o Rio Tigre.

100_4281

Logo após à aula de malabares e à atividade de desenho, fomos para a sala de informática (que só abre nas quartas-feiras para a comunidade). Todos queriam ocupar a sala para jogar nos computadores, foi unanime. Propus que fizéssemos uma atividade antes e no final eu liberaria 10 minutinhos para jogarem. Foram os 12 computadores ocupados, 15 crianças na sala fazendo um tour virtual pela antiga Casa ArtCidade, visitando duas exposições de grafite em um ambiente 360º, projeto do Gabriel Campos pelo 360º Ideias. A galera ficou encantada!
Confira o tour 360º:

Berografia -> http://360ideias.com/portfolio/tour-artcidade-berografia.html

Théo Gomes -> http://360ideias.com/portfolio/theo-gomes.html

 

100_4282

Antes de liberar os computadores para jogarem, solicitei que entrassem no youtube para assistir alguns vídeos de malabares. Foram vídeos de claves, swing fire e bolinhas. Assim a galera conseguiu ampliar a visão de possibilidades sobre o malabarismo. Percebi que eles possuem muito interesse em usar os computadores e a internet, mas as opções de acesso à páginas ficam limitadas ao que conhecem: jogos online (qualquer jogo); vídeos (de músicas que gostam) e facebook.
Tive a ideia de criar uma lista com sugestões de sites interativos e lúdicos para deixar na sala de informática para o pessoal acessar. Acho que vai dar certo 😉

Amanhã postarei mais novidades.

 

100_4283

Início das Oficinas de Malabares

Malabares CEU5

Quarta-feira de manhã dei início às oficinas de malabares. Começamos com as claves, movimentos básicos de coordenação motora, lançamentos e lançamentos em dupla. O CEU estava cheio de crianças que ficaram bem entusiasmadas com a aula. Mas foram as meninas que participaram mais. Senti que pelo fato de eu ser mulher, as meninas se identificaram mais com os malabares do que os meninos. É a primeira vez que dou oficina de malabares para a comunidade sem a ajuda de algum companheiro, na maioria das vezes homem. Nunca tinha sentido essa diferença antes.

Malabares CEU4

Apesar dessa constatação, (e por causa dela) fico extremamente feliz em poder dar esse privilégio de aprendizado para as meninas. No CEU, durante a semana, ainda há poucas atividades sendo realizadas. Nas quartas-feiras a comunidade pode usar a sala de informática e nos outros dias é a bola que rola solta nas quadras de esportes e os skates e bicicletas na rampa de skate (atividades que englobam uma maioria de meninos em relação ás meninas).

Malabares CEU2

Na tarde de quarta-feira foi a vez do Swing Poi e hoje pela manhã e pela tarde trabalhamos com 3 modalidades de malabares: as bolinhas, as claves e o swing poi. As crianças aprendem realmente muito rápido, e sem inscrição nas atividades, já conseguimos fechar uma turma continuada.

Malabares CEU1

Amanhã vai ter CINE CIRCO no CEU e a gurizada já está entusiasmada para ver. De fato a sala multimídia é mais usada em dias de eventos. Acho que vai ser uma experiência bem legal implantarmos algumas exibições de vídeos e filmes. Assim que eu conseguir adquirir um cartão de memória, postarei mais fotos e vídeos para vocês acompanharem ;).

Malabares CEU

 

 

 

Iniciando a Divulgação

IMG_4056Sem títuloSábado demos início a divulgação das datas das atividades do workshop sobre Economia Criativa e Cidade Criativa e das oficinas de malabares. Devido ao atraso na definição das datas e o aumento do tempo com o planejamento, decidimos ampliar o número de oficinas de malabares e exibições de vídeos circenses. A proposta inicial era de 3 oficinas e 3 exibições de vídeos circenses, uma por semana. Propomos a realização de 12 oficinas, 6 por semana, durante as quartas, quintas e sextas-feiras, no turno da manhã e da tarde.

No sábado do dia 23 irá acontecer um Sarau no CEU, iniciativa do coletivo Varanda, e estamos tentando integrar a Roda de Conversa sobre Cidades Criativas na agenda de atividades. Nos dias 29 e 30 de maio acontecerão os workshop de Economia Criativa e Cidades Criativas.

Se tudo der certo, através dos professores Guilherme Rodrigues Bruno e Marcela Alvares Maciel, fecharemos uma parceria com a Universidade Federal da Fronteira Sul para a realização de encontros sobre “Conflitos sócio-espaciais”, “acústica urbana” e “mapas mentais”.

Falta ainda definir as datas das oficinas de fotografia e filmagem básica e de edição de imagens em software livre e o Dia da Cultura Livre. Além das atividades já previstas, também queremos inserir a exibição de algum filme com debate para a comunidade.

Bora trabalhar o/

Confecção dos cartazes de divulgação.

Demos início a confecção do nosso material de divulgação. Temos a preocupação de criar uma arte que esteja relacionada aos temas abordados e que seja convidativa. Ainda não fechamos as datas e horários, pois queremos verificar pessoalmente a disponibilidade do público alvo.
Nessa semana entramos em contato com alguns agentes culturais e sociais de Erechim para convidá-los especialmente para participar das atividades, principalmente dos workshop. Ficamos muito felizes com o interesse da comunidade local pelo ArtCidade Erechim. Estamos ansiosos para começarmos.
Sexta-feira o projeto já estará pisando na cidade 😉

cartaz workshop1