Como escolher o nome do bebê: 7 dicas essenciais

Botticelli,_annunciazione_del_MetropolitanO nascimento de um filho é sempre uma ocasião especial para a vida de qualquer família. São eles que deixam a vida mais alegre e animada. E talvez uma das decisões mais difíceis seja definir o nome que ele irá receber. O fato da mulher sonhar que está grávida já mexe com autoestima dela e de toda a família.

Veja a seguir 7 dicas essenciais para escolher o nome do bebê.

  1. Busque um significado 

O filho será uma das pessoas mais importantes da sua vida a partir do seu nascimento e, por isso, a escolha do nome deve ser caprichada. Ela será determinante para que não exista arrependimento posterior.

Uma boa ideia é tentar achar um nome que tenha algum significado especial para você. Hoje em dia é muito fácil encontrar o significado dos nomes e, assim, definir por algo que carregue uma mensagem que você gostaria de passar ao filho.

    1. Homenagem: sonhe alto!

Algo muito comum é homenagear alguém especial. Seja uma mensagem para o avô que já faleceu ou alguém muito querido. Por vezes os pais homenageiam a si mesmos, colocando os mesmos nomes nos seus filhos.

Nesse caso apenas deve haver consenso das duas partes, afinal uma homenagem pode ser importante para a mãe, mas o pai não gostar do nome (e vice-versa).

Outra homenagem típica está relacionada com algum tipo de tradição familiar. Consulte seus antepassados para ver se realmente existe algo do tipo e, claro, se você concorda em seguir essa linha de raciocínio.

  1. Apelidos

Quando gostamos de alguém é quase que natural a ideia de criar um apelido ou uma forma carinhosa de chamar. Normalmente o André vira “Dé”, a Mariana vira “Mari” e assim acontece como todo e qualquer nome. Toda mãe sonha que esse momento, e isso é muito natural.

Se você tiver uma preferência por algum tipo de apelido para chamar seu filho pode ser bacana pensar nele na hora de definir um nome. Use algum que você goste, afinal ele será repetido por toda vida.

  1. Evite nomes de famosos

Muitas pessoas têm famosos como verdadeiros ídolos e entendem que batizar seus filhos com o mesmo nome é uma boa forma de homenageá-los. O problema é que você não sabe como o seu ídolo irá se comportar e que tipo de polêmicas pode se envolver, acabando por influenciar o nome já definido.

Por essa razão você deve evitar nomes de famosos, a menos que ache muito bonito e que não faça qualquer associação com a pessoa que originou aquele nome.

  1. Analise o sobrenome

Ao nascer o seu filho ainda não saberá o nome, porém os sobrenomes serão herdados dos pais. Uma boa ideia é analisar se o nome casa bem com o sobrenome, sendo agradável de ouvir. Muitas pessoas usam desse artifício na hora de definir o nome do bebê.

    1. Repita sozinho

Uma maneira bacana de tirar dúvida sobre o nome é repetindo para si mesmo ao longo do dia. No banheiro, no banho, na cama… Repita como se estivesse chamando. Por vezes esse procedimento reforça a decisão ou torna não tão agradável, fazendo com que você repense o nome do bebê.

  1. Pense em nomes que você goste

Certamente você já passou por alguma apresentação e pensou “nossa, que nome bonito”, não é mesmo? Pois ele pode ser uma boa ideia na hora de batizar o seu bebê, afinal se você gostou do nome é provável que gostasse também de poder usá-lo em alguém que você ame.