Brasília

parece uma ilha

envolta de agua por todos os lados

agua insola

burocracia

a pedra tangível de Niemayer

num mundo intangível  

nesse País gigante

fazem elefantes brancos

verde

azul

amarelos

os homens com seus ternos

por trás de discursos

por trás dos gabinetes

essa questão vai ser analisada!

não tem numero para ser voltada!

arrogantes

empurram com a barriga

nossas vidas

até a próxima eleição.