Passeando pela folha de papel

passeando pela cidade

com presentes de papai Noel

importado do norte

 

o polo norte não é aqui!

não há neve!

tudo ferve!

tudo é um borbulho do povo

a iniciar um novo ciclo

 

o tempo e o espaço

rasgam o calendário

 

um celular…

um tênis…

um computador…

umas roupas novas…

 

afinal tudo de um numero novo 

estará vestido…

por baixo o corpo do passado.