No Natal o hemisfério sul está calor,

o norte está frio.

É ainda, o equilíbrio da natureza

que tem essa diversidade do tempo.

 

O eixo da terra inclinado

sustenta a existência em ciclos

que se mantem em fios complexos

que se interligam formando um todo:

 

– Ó massa humana, sossegue a chama

da fúria cega do consumismo

que rachou o alicerce

do fundamento,

do firmamento

atolado

na podridão da lama

do egoísmo.

 

Já não basta o que a natureza deu

de troco?

 

Quanto mais o calendário passa

o Homem aumenta sua dívida.

Perplexo ele olha de novo

e não acredita que escapuliu de suas mãos

sua dominação

dos biomas que se tornaram tosco,

fosco, fosco, fosco!

 

-O Éden que vivia por si só

que o Homem de intruso deu um nó.