Faço da goela

a remela

da infelicidade

a sequela

canso e não me acho

ave presa no espaço

na garupa

a disparada

mãos calejadas

na enxada

menino preso

em casa

o seu apreço

a imaginação

mente que da asas

carroceria de caminhão.