Calmaria dia a dia

O amanhecer é a sentença

da noite

Nos dias não há diferença

 Quando se desperta

como saído do fundo

do mar

E no sonho que houve

não há o que relembrar.