Dorme menino!

Antes que o galo cante

Se houver galo!

O despertador desperte

E a rotina que se repete

Se levante junto com o dia

E o mundo dos seus sonhos

Não seja como você quer

Como balde de água fria

A realidade não o deixe enfadonho

Pois o quadro da parede

Para um menino pobre

É a sua janela

Quadro de aquarela

Só tem na escola

Guarde na sacola

Os seus sonhos

Que a vida pode ser bela

Quando se sonha com fé.