Fala-se muito sobre o trabalho na infância. Mas o trabalho na infância tem que ser educativo; nada além das possibilidades de uma criança, que tem como principal forma de aprender o brincar de forma lúdica, para desenvolver a sua personalidade e sua mente em expansão.

   Expansão esta não de forma forçada, com muitas tarefas e obrigações não agradáveis para a mente da criança.

   O brincar desenvolve o físico e a mente da criança. Cabe aos pais dar um limite com horário determinado, para que a criança poça respeitar o “não” necessário para o caráter da criança.

   O principal trabalho de uma criança é o brincar.