De fato, no mundo contemporâneo as pessoas gastam a primeira parte da vida para acumular riquezas e depois na velhice gastam para continuar a ter saúde e existir. No começo, na infância e na juventude o metabolismo é rápido, depois com o passar do tempo, ele fica cada vez mais lento. Lembrar-se do Criador na juventude é a mais sábia atitude. Não sabemos da luz do amanhã. Nunca é tarde para ser feliz- já dizia minha vó – mas o problema é que damos nós cegos e para depois desata-los, fica difícil. O Homem se aglomera em mega cidades cheia de edifícios e, quanto maior a aglomeração aumenta à violência, a contrario de tudo, a solidão. Muitas cidades modernas aboliram os automóveis das principais ruas, responsáveis por grandes males a humanidade, mas o poder das grandes montadoras é muito grande, enquanto o petróleo existe ainda abundante. Cidades verdes ao redor do mundo, verde sonho entre conflitos de poderes, enquanto a humanidade se perde pela desigualdade nas grandes cidades, onde os refugiados buscam esperança.