Desde a muito, os livros mais vendidos tem algum conteúdo místico e uma espécie de felicidade momentânea, escritores exploram essa curiosidade humana de interesse por tais assuntos. Duendes, bruxos, magias e dinheiro, são as coisas mais intrigantes e de interesse pelas pessoas. O que na vida em sua essência não tem valor algum, elas têm espaço no imaginário da maioria das pessoas. Enquanto livros que falam a verdade, se não trazerem algo novo ficam em segundo plano. A poesia e o conto precisam trazer algo novo e duradouro no seu conteúdo, para não ficarem no lamento e esquecimento.