Projeto convida para conhecer mais sobre produção independente de tecnologia

banner_makerO projeto Faça Parte do Movimento Maker irá acontecer a partir deste sábado (28), no laboratório multimídia do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) de Águas Lindas de Goiás (GO). Com foco na cultura do Faça Você Mesmo, a iniciativa trará discussões sobre os novos meios de fabricação digital, incluindo as ferramentas e metodologias para o desenvolvimento de hardware e software livres.

As atividades, totalmente gratuitas, são voltadas para pessoas interessadas em eletrônica, programação, robótica, automação, arte digital, e tecnologia de um modo geral. São 16 vagas, para oficinas que irão trabalhar conhecimentos do Arduino, um microcontrolador, e da linguagem de programação chamada processing.

Os encontros ocorrerão ao longo de dois meses, sempre aos sábados, das 9h às 12h. Entre debates e oficinas, que irão aproximar os participantes do movimento maker e dos tipos de tecnologias estão sendo utilizadas por esses agentes, os participantes irão desenvolver protótipos, que serão apresentados em uma mostra, no mês de maio.

De acordo com Oda Scatolini, idealizador do projeto, a ideia é que os participantes das atividades se envolvam com o assunto e possam experimentar, gerando novas propostas a partir dos conhecimentos obtidos. “É um tema bastante interessante. Quem sabe eles não venham a criar um maker space, um espaço de produção criativo, no Labceu, um lugar que eles deem continuidade por si próprios”, disse.

Mais informações sobre o projeto Faça Parte do Movimento Maker estão disponíveis nohttp://culturadigital.br/maker.

Sobre o LabCEUs

O projeto Faça Parte do Movimento Maker está sendo realizado através do programa LabCEUs, promovido pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), por meio do InCiti – Pesquisa e Inovação para as Cidades, em parceria com o Ministério da Cultura (MinC). O programa visa experimentar práticas tecnológicas que estimulem novas relações e diálogos entre as pessoas, a cidade e o ambiente à sua volta, repensando as estruturas existentes para modificar o cotidiano.

Em dezembro de 2014 foi realizada a primeira chamada pública, para seleção de propostas de ocupação dos telecentros dos Centros de Artes e Esportes Unificados de 10 cidades brasileiras. As inscrições ficaram abertas durante 45 dias, período durante o qual foram recebidas quase 260 propostas de todo o país. A segunda chamada pública do LabCEUs deverá ser lançada no mês de maio.

Saiba mais: http://culturadigital.br/labceus.

Comentários (1)

Imagem CAPTCHA
*