Pará Criativo promove encontro para esclarecer dúvidas sobre o Programa Conexão Cultura Brasil

A Incubadora Pará Criativo, em parceria com o Ministério da Cultura Regional Norte, realiza na próxima terça-feira, 26, às 15h, o encontro “Diálogos Criativos – Programa Conexão Cultura Brasil”. A ação tem o objetivo de esclarecer os principais questionamentos relacionados aos editais “Conexão Cultura Brasil #Intercâmbios” e “Conexão Cultura Brasil #Negócios”, promovidos pela Secretaria de Economia Criativa do Ministério da Cultura.

Lançado pelo Ministério da Cultura, em parceria com o Ministério da Educação, a CAPES e o Ministério das Relações Exteriores, o Programa Conexão Cultura Brasil tem o objetivo de ampliar a presença de artistas e empreendedores brasileiros no mundo em atividades de formação (cursos e estágios), em instituições culturais de grande projeção internacional e eventos de cultura e negócios.

O edital “Conexão Cultura Brasil – #Intercâmbios”, realizado em parceria com o Ministério da Educação e a CAPES, no valor de R$ 4 milhões, disponibiliza recursos para serem usados em passagens e diárias, entre os meses de novembro de 2014 e março de 2015, possibilitando o envio de aproximadamente 400 agentes para o exterior. Os interessados poderão participar de atividades de formação técnica, artística ou acadêmica,  apresentações, intercâmbios e estágios de até três meses, além de eventos de arte e de negócios na área cultural em instituições de projeção internacional.

O edital “Conexão Cultura Brasil – #Negócios” conta com orçamento de R$400 mil em sua primeira fase. Levará delegações para participar de três eventos de negócios culturais de grande relevância internacional nos segmentos de Artes Cênicas, Música e Arte contemporânea, são eles: Santigo a Mil, Womex 2014 e ARCO Madrid. A iniciativa é uma estratégia do Ministério da Cultura e do Ministério das Relações Exteriores para aumentar a presença brasileira internacionalmente e inserir produtos culturais nacionais nos mercados da Europa e da América Latina.

Os setores abrangidos pelos editais são: Música, Artes Cênicas, Circo, Artes Visuais, Cinema, Animação, Games, Programação de Softwares e Aplicativos Móveis, Literatura, TV, Rádio, Mercado Editorial, Moda, Design, Arquitetura, Publicidade, Gastronomia, Gestão Cultural, Indústria de Espetáculos, Produção de eventos culturais, Produção Audiovisual, Operação de Equipamentos Audiovisuais, Produção de Roteiro, Sonoplastia, Figurino, Cenotecnia, Iluminação, Luthieria, Edição Gráfica e Visual, Restauração, Artesanato, Cultura Popular e Patrimônio, Museu e memória, Turismo Cultural.

Ao retornar ao Brasil, os selecionados deverão realizar contrapartidas em forma de cursos, oficinas e/ou apresentações artísticas, para multiplicar o conhecimento obtido nos intercâmbios.

As inscrições para os dois editais serão feitas no SALICWEB no endereço:http://sistemas.cultura.gov.br/propostaweb/

Os editais podem ser conferidos na íntegra no site do Ministério da Cultura:http://www.cultura.gov.br/editais

Serviço
Diálogos Criativos – Programa Conexão Cultura Brasil
26 de agosto de 2014, às 15h, na Sala Multimeios do IAP – Praça Justo Chermont, 236 -Nazaré – Belém

As inscrições para o encontro Diálogos Criativos – Programa Conexão Cultura Brasil já estão abertas e podem ser realizadas pelo link http://migre.me/l6olg

30 vagas – Inscrições gratuitas

Mais informações: (91) 4006-2930

DIALOGOS CRIATIVOS - Conexão Cultura

Incubadora Goiás Criativo – Inauguração

A partir da próxima terça-feira (26), o estado de Goiás contará com um espaço para inovação, empreendedorismo, formação, fomento e promoção de projetos culturais. É a Incubadora Goiás Criativo, projeto que integra o programa Rede Incubadoras Brasil Criativo, da Secretaria de Economia Criativa do Ministério da Cultura.

Instalado no centro Goiânia, ao lado das galerias Frei Confalone e Sebastião dos Reis, parte do Centro Cultural Octo Marques, o espaço da Incubadora Goiás Criativo funcionará como local de convívio e interação multisetorial, com o objetivo de promover o compartilhamento de experiências e fortalecimento de redes e coletivos locais.

flyer_02

 

Palestra com Eliane Costa no RN Criativo dá foco para valorização das políticas públicas

IMG_0582

Na tarde desta segunda-feira (18.08), cerca de cinquenta empreendedores criativos entre produtores culturais, músicos, artistas das artes cênicas e visuais, escritores, poetas e profissionais do audiovisual participaram da palestra “Cultura e Economia Criativa: contexto e desafios contemporâneos na perspectiva da política pública” ministrada pela consultora Eliane Costa.
A palestrante deu início a sua fala traçando um panorama conceitual sobre cultura no mundo e na história, com o intuito de relacionar o conceito com a realidade nacional. Para Eliane Costa “cultura é uma rede de significados” que deve ser trabalhada na perspectiva da política pública em três dimensões a simbólica, a cidadão e a econômica, porque segunda ela “nossa identidade é múltipla, são muitas culturas. O que temos como identidade cultural é a diversidade cultural”, colocou a consultora.
No tocante as políticas públicas praticadas no Brasil, Eliane Costa trouxe para reflexão a disparidade dos incentivos por meio do mecenato, as Leis de incentivos fiscais, que segundo pesquisa 80,40% dos recursos investimentos pela iniciativa privada se concentram no sudeste do país. “Esse cenário se caracteriza como uma distorção gravíssima do uso dos benefícios fiscais, que foram criados para fomentar a cultura de quem não tinha acesso a recursos. Mas o mercado escolhe o que quer patrocinar, não tem responsabilidade social”, declarou a consultora.
Para a participante do evento, Vera Santana, coordenadora do projeto Conexão Felipe Camarão, a palestra foi absolutamente necessária para estabelecer dialogo sobre a cultura e a economia criativa, “a palestra foi excelente, mas deveria continuar. Muito assunto para ser discutido em uma tarde. Deveria ser um fórum permanente para discutir as demandas da cultura local pela economia criativa. A Eliane deveria dar cursos sobre esses assuntos que são inquietantes para nós que somos fazedores de ações culturais e econômicas aqui no Rio Grande do Norte”, colocou a produtora cultural. .
A palestra se encerrou com um debate participativo. O evento foi uma promoção da incubadora RN Criativo, que dará continuidade a ações voltadas aos empreendedores criativos.

Pará Criativo promove bate-papo com Keyla Bueno sobre universo dos musicais

A Incubadora Pará Criativo promove no dia 27 de agosto um bate-papo que traz como convidada a bailarina, atriz, cantora e coreógrafa Keyla Bueno. Reconhecida nacionalmente, Keyla participou de diversos espetáculos de sucesso como “A Bela e A Fera”, “Chicago”, “Rent” e “O Médico e os Monstros”. Atualmente atua no musical Elis, onde protagoniza o papel da mãe de Elis Regina.

Bate Papo sobre Teatro Musical com Keyla Bueno

Pela primeira vez em Belém, Keyla irá conversar com os artistas locais sobre o universo do Teatro Musical, modalidade de espetáculo que está em franca expansão no cenário brasileiro. O país já contou com adaptações de espetáculos da Broadway como “My Fair Lady”, “Priscilla, a Rainha do Deserto”, “Chicago”, “A Bela e a Fera”, “O Fantasma da Ópera”, “Les Misérables”, “Mamma Mia!”, “Evita”, “Rei Leão”, “Xanadu” e “Hair”. A entrada para o bate-papo é gratuita e as vagas podem ser garantidas através do endereço eletrônico http://migre.me/l1fFx.

Keyla Bueno é bailarina, atriz, cantora, professora e coreógrafa. Ao longo de sua carreira artística já trabalhou com Miguel Falabella, Cláudia Raia, Marília Pera, Daniele Winits, entre outros. Já participou de inúmeros musicais como Chicago, a Bela e a Fera, Elis, Rent, Sweet Charity. Além disso, ministra cursos de jazz musical e atua como coreógrafa na Casa Operária em São Paulo.

Serviço
Bate-papo com a bailarina, atriz, cantora e coreógrafa Keyla Bueno, no dia 27 de agosto de 2014, a partir das 18h30, no Teatrinho do IAP – Praça Justo Chermont, 236

Inscrições gratuitas no link: http://migre.me/l1fFx – 70 vagas

Mais informações: (91) 4006-2930

 

 

 

Equipe RN Criativo recebe servidor da FJA para falar sobre Pontos de Cultura

DSCN0842
A equipe RN Criativo recebeu nesta sexta-feira (15.08) a visita de Jefferson Tavares, servidor da Fundação José Augusto, que veio falar sobre os Pontos de Cultura do Rio Grande do Norte. O servidor  informou como os Pontos estão estruturados, pontuando a realidade das atividades existentes nos 53 municípios do estado que tem esses espaços.
A coordenação de articulação e os agentes estão construindo um mapa do cenário demonstrado pelo servidor, para direcionar as ações que serão efetuadas pela equipe em campo.

Pará Criativo participa de ação que discute o Plano de Desenvolvimento do APL de Moda e Design do Polo Metrópole

Nos dias 12 e 13 de agosto, o coletivo intersetorial se reuniu no Espaço São José Liberto para realizar o fechamento do Plano de Desenvolvimento do Arranjo Produtivo Local (APL) de Moda e Design da região metropolitana de Belém.

As Coordenadoras de Formação e Empreendedorismo e Inovação da Incubadora Pará Criativo, Lorena Moreira e Andrea Vieira, respectivamente, acompanharam as atividades da II Oficina Técnica de Validação do Primeiro Plano de Desenvolvimento para o APL de Moda e Design – Polo Metrópole.

A Incubadora Pará Criativo vai ofertar ações de formação e capacitação para os empreendedores que compõe o APL de moda, a fim de contribuir para a criação de um ambiente propício à fomentação emprego, renda, comércio, e inovações.

O APL de Moda e Design – Polo Metrópole terá ações focadas nos segmentos de vestuário, bolsas, calçados, artefatos em couro, acessórios e design.

As oficinas realizadas ajudarão no fechamento do Plano do APL Moda e Design. Foto: Ascom/Igama

As oficinas realizadas ajudarão no fechamento do Plano do APL Moda e Design. Foto: Ascom/Igama

Pará Criativo e Universidade da Amazônia firmam parceria

Nesta terça-feira, 12 de agosto, a Incubadora Pará Criativo e a Universidade da Amazônia – UNAMA, se reuniram para formalizar a assinatura do acordo de cooperação técnica entre as duas instituições.

Ruy Secco, Coordenador de Articulação da Incubadora Pará Criativo e Ana Célia Bahia Silva, reitora da UNAMA analisam termo de cooperação técnica. Foto: Helder Leite, Ascom UNAMA

Ruy Secco, Coordenador de Articulação da Incubadora Pará Criativo e Ana Célia Bahia Silva, reitora da UNAMA analisam termo de cooperação técnica.
Foto: Helder Leite, Ascom UNAMA

A reunião contou com a presença da aluna do curso de moda, Luma Modesto, dos professores Fernando Hage, Yorrana Maia e Lucilene Rodrigues, dos pró-reitores de ensino e de pesquisa, pós-graduação e extensão, Evaristo Rezende e Núbia Maciel, respectivamente, da reitora Ana Célia Bahia Silva, do Coordenador de Articulação do Pará Criativo, Ruy Secco e dos articuladores regionais, Raquel Silveira e Jorge Palmquist.

O acordo firmado tem por objeto a colaboração entre as instituições, com a finalidade de realizar ações voltadas aos setores criativos do Pará, visando estimular ações integradas na política de economia criativa, dando suporte à oferta de informação, capacitação, consultorias e assessorias técnicas, entre outros serviços voltados para qualificação da gestão de projetos, produtos e negócios de micro e pequenos empreendimentos criativos.

Na reunião, a reitora da universidade afirmou estar honrada em fazer convênio com a Rede Brasil Criativo, por meio da Incubadora Pará Criativo. Em sua grade curricular, a UNAMA conta com cursos ligados à economia criativa, como moda, design de interiores, arquitetura, artes visuais, letras e publicidade.

Na prática, além do acesso a cursos formativos relacionados à economia criativa, os alunos da UNAMA terão a oportunidade de realizar atividades de extensão na Incubadora, de acordo com o Plano de Trabalho que será estabelecido pelas duas instituições.

O Pará Criativo já vem desenvolvendo ações em parceria com professores da UNAMA, a assinatura do acordo de cooperação técnica reforça os trabalhos já realizados e permite que a incubadora amplie o escopo de serviços ofertados, estendendo aos empreendedores criativos o acesso ao conhecimento gerado na academia.

Para o professor Msc. Fernando Hage, a parceria é estratégica porque a UNAMA tem por missão a promoção da educação para o desenvolvimento da Amazônia e o principal produto do Pará Criativo é a oferecer serviços de formação e de consultorias. “A UNAMA pode apoiar com suas instalações, laboratórios, além de ofertar serviços de atendimento”, diz.

Para o Coordenador de Articulação da Incubadora Pará Criativo, Ruy Secco, a formalização de uma parceria com uma instituição de ensino de referência como a UNAMA é fundamental para o fortalecimento de uma rede colaborativa que possibilite a implementação de ações que fortaleçam os segmentos de economia criativa no Estado do Pará.

Parcerias

Fruto de um convênio entre o Governo Federal, através da Secretaria de Economia Criativa do Ministério da Cultura e o Governo do Estado do Pará, por meio do Instituto de Artes do Pará, a Incubadora Pará Criativo já formalizou parceria com a Associação dos Municípios do Marajó – AMAM.

Em breve a instituição firmará acordos de cooperação com a Secretaria de Indústria e Comércio – SEICOM, Secretaria de Turismo – SETUR, Universidade Federal do Pará, através das Faculdades de Artes Visuais e Direito, Universidade Federal do Oeste do Pará – UFOPA, Casa de Cultura Digital do Pará, AmpliCriativa e Se Rasgum Produções.

MT Criativo oferece oficina ” Conexão Cultura Brasil”

conexão

O Mato Grosso Criativo realizará a oficina “Conexão Cultura Brasil”, em parceria com coordenador do escritório regional do Ministério da Cultura (MinC), Romulo Fraga, na próxima sexta-feira (15.08), às 19h, no auditório do Palácio da Instrução, em Cuiabá.

O encontro tem por objetivo esclarecer as dúvidas pertinentes ao edital, como também, gerar inscrições para a participação no mesmo. O edital Conexão Cultura Brasil #intercâmbio visa incentivar a promoção da cultura brasileira por meio da difusão cultural, formação, pesquisa e negócios da economia criativa.

O intercâmbio ocorrerá por meio de viagens nacionais e internacionais, entre os meses de novembro de 2014 a março de 2015, que contemplará duas categorias: individual e coletivo (não constituído juridicamente), com a liberação de recurso até R$6.000,00. “Trata-se de uma oportunidade de geração de intercambio cultural”, afirma o secretário de Estado de Cultura de Mato Grosso – SEC, Fabiano Prates.

As atividades inseridas no edital são cursos, capacitações nas áreas artísticas, residência artística, apresentação de trabalho próprio em festas, eventos culturais, premiações, rodadas de negócios e atividades de geração de negócios criativos. Sendo os campos  culturais inseridos no patrimônio cultural, expressões culturais, artes do espetáculo, audiovisual, livro, leitura, literatura e criação culturais e funcionais.

 

Por Ana Eliza Lucialdo, Comunicação MT Criativo

Incubadora Pará Criativo lança site institucional

Nesta quinta-feira (7), a partir das 18h30, a Incubadora Pará Criativo lança o seu site institucional, disponível no endereço eletrônico www.paracriativo.pa.gov.br.  Na ocasião, será realizada uma mesa redonda sobre empreendedorismo criativo no Pará. O site da Incubadora Pará Criativo oferece informações sobre os serviços oferecidos pela instituição, agenda, cadastro, bem como seção de downloads, todos reunidos em um menu central que facilita a busca do internauta. A home page trará, ainda, informações sobre economia criativa e áreas correlacionadas.

Para se tornar uma ferramenta atrativa ao público leitor e, ao mesmo tempo, abranger o conteúdo organizacional, o site incorporou as novas tendências das mídias digitais. O resultado é um ambiente dinâmico, com navegação ágil e interativa. Com layout moderno e menu intuitivo, o site do Pará Criativo é mais um canal de comunicação entre a sociedade e o órgão público, criado através de um convênio entre o Governo Federal, por meio da Secretaria de Economia Criativa do Ministério da Cultura e o Governo Estadual, por meio do Instituto de Artes do Pará e Secretaria de Promoção Social.

Ao realizar o cadastro no site, o usuário tem acesso rápido às novidades da instituição. Além disso, o cadastro do Pará Criativo será interligado ao Sistema de Mapeamento Cultural do Instituto de Artes do Pará, ferramenta que possibilita maior divulgação do currículo de profissionais que possam atender ao mercado cultural no Estado do Pará. O cadastro de empreendedores criativos irá contribuir também para o mapeamento dos setores da economia criativa no estado.

Os interessados em prestar serviços de consultorias e instrutoria podem fazer o upload de seus currículos no site, o material alimentará o banco de talentos da Incubadora, sistema de consultas utilizado para futuras contratações.

A mesa sobre empreendedorismo criativo no Pará será composta por dois cases de sucesso em economia criativa no estado: AmpliCriativa e Se Rasgum Produções. Os empreendedores falarão de seus principais desafios e conquistas no desenvolvimento de suas atividades profissionais.

Serviço:
Mesa Redonda – Empreendedorismo Criativo no Pará
7 de agosto de 2014, às 18h30, na sede da Incubadora Pará Criativo – Praça Justo Chermont, 236 (Ao lado da Basílica de Nazaré)
O endereço eletrônico do Pará Criativo estará disponível em www.paracriativo.pa.gov.br
Mais informações: (91) 4006-2930

 

Lançamento do site da Incubadora Pará Criativo 7 de agosto de 2014

Lançamento do site da Incubadora Pará Criativo
7 de agosto de 2014

MT Criativo profere palestra no polo Barra do Garças “Artista ou Empreendedor Cultural”

A solenidade de inauguração do Polo Barra do Garças do Mato Grosso Criativo, ocorrida em 31 de julho, às 19h, na Câmara Municipal da cidade, contou com a palestra “Artista ou Empreendedor Cultural” proferida pelo coordenador de Empreendedorismo e Inovação da Incubadora, Charles Pantoja.

O palestrante apresentou os objetivos do escritório ao relatar que disponibilizar informações dos setores criativos do estado; identificar as principais demandas territoriais no campo da economia criativa; promover a capacitação dos criativos; e facilitar linhas de crédito a fim de fomentar a economia relacionada à criação serão ações estruturantes do Mato Grosso Criativo.

barra

Na ocasião, foi esclarecido o conceito de economia criativa e os setores relacionados à mesma com exemplos pertinentes a questão. Ao relatar os setores envolvidos no processo, como: Patrimônio Natural e Cultural; Espetáculos e celebrações; Artes visuais e artesanatos; Livros e periódicos; Audiovisual e mídias interativas; Design e serviços criativos, os presentes na capacitação manifestaram ações de inclusão no processo.

Para Pantoja, “O importante neste momento introdutório e despertar a consciência com engajamento da classe empreendedora cultural a participar das ações do MT Criativo.” Tal situação exemplificada pela cultural, ceramista da região, Natalice Rego Flores, que relata:” O MT Criativo será o apoio que todos de Barra necessitávamos para aprendermos a viver da nossa arte”.

Por Ana Eliza Lucialdo, Comunicação MT Criativo