O sincretismo religioso e a festa de Cosme e Damião em Areia Branca

Galeria

Esta galeria contém 15 fotos.

Os centros de umbanda e casas de candomblé são os pioneiros em preservar a tradição do dia de Cosme e Damião. Estes centros espirituais promovem entre os dias 27 de setembro e 12 de outubro, as festividades alusivas aos Irês … Continuar lendo

Evento reunirá adeptos de candomblé que debaterão a intolerância religiosa

A intolerância religiosa como importante mote de discussão e combate, é o tema do 11º Encontro de Religiosos de Matriz Africana da Salinésia, programado para ocorrer no plenário da Câmara Municipal de Areia Branca no próximo dia 28 de agosto, a partir das 19h, organizado pela Casa de Cultura de Matriz Africana Ilê Axé Dajó Ìyá Omy Sàbá que tem a frente o Babalorixá Noamã Pinheiro.

Encontro discutirá sobre a intolerância religiosa. (Foto: Mariano Silva/Arquivo Voz de Areia Branca)

O evento social, aberto ao público terá como palestrante principal o Babalorixá Melquisedec d’Xangô e debatedores convidados de variados segmentos sociais que discutiram sobre os diversos pontos de vista sobre questões ligadas a liberdade de culto e crença e a intolerância religiosa, que embora estejam assegurados pela Declaração Universal dos Direitos Humanos e pela Constituição Federal brasileira, ainda há constantes registros de casos de perseguição e intolerância.

O tradicional encontro anual de religiosos debate temas da atualidade com o intuito de reunir o povo de terreiro e refletir sobre questões importantes. A rodada de conversas antecede o Olubajé – Ritual da Partilha – O Banquete do Rei Obaluaiyê, programado para ocorrer no dia 30 do mesmo mês, na frente do Ilê Axé, localizado na rua Duque de Caxias, 362, centro, Areia Branca, as 18h, também aberto ao público.