Carta de Atibaia 2009 / Moções

    • Ref.:  Carta CBC 01/2009 – Moções

    Reunido em Assembléia Geral, nos dias 21 e 22 de janeiro de 2009, em Atibaia, São Paulo, por ocasião do Festival Internacional do Audiovisual, o Congresso Brasileiro de Cinema – CBC, contando com a participação de representantes de 33 entidades, guardando o espírito combativo da sua trajetória histórica e da sua contribuição às conquistas e ao desenvolvimento do nosso audiovisual, repensou as suas estratégias de forma a atender às demandas contemporâneas e à atual situação social, econômica e cultural do país, bem como a pluralidade de interesses dos seus associados, formulando as seguintes resoluções:

    1 – Reformulação do CBC diante da situação atual do audiovisual, com a aprovação de um novo Estatuto que adota uma diretoria colegiada e um conselho amplo e representativo, agregando assim novos agentes que caracterizam a renovação e o fortalecimento das lideranças.

    2 – Reafirmação da vocação que norteou a criação do CBC de agregar as forças dos diferentes segmentos da comunidade audiovisual, integrando as diferentes regiões para garantir a diversidade cultural brasileira.

    3 – O novo estatuto contempla ainda novas formas de representação, respeitando o grau de amplitude e de alcance de representatividade e adotando uma revisão dos valores das anuidades, que serão  proporcionais ao âmbito e à abrangência da atuação da entidade.

    Como pauta imediata para uma ação eletiva no âmbito dos interesses mais amplos das diversas entidades, resolvemos priorizar as seguintes questões:

    – PL 29

    – Super Simples

    – Fundo Setorial do Audiovisual

    – Sistematização dos levantamentos e pesquisas sobre a cadeia produtiva do audiovisual

    – Revitalização do site do CBC, com links para as diversas entidades filiadas

    – Campanha Nacional do Cinema

    – Participação do CBC no Congresso da Federação Internacional das Coalizões pela Diversidade Cultural, a ser realizado este ano no Brasil.

    Propomos ainda a realização, ainda este ano, de um Congresso extraordinário, com participação das diversas entidades representativas, para reflexão sobre o estado atual do cinema e do audiovisual brasileiros, na perspectiva de ampliação e aprofundamento das políticas públicas implantadas.

    O Congresso Brasileiro de Cinema reafirma a importância do audiovisual como tradução profunda da diversidade cultural do nosso povo e como fator de desenvolvimento econômico, social e cultural da nação brasileira.

    Diretoria Executiva

    Rosemberg Cariri,

    Cícero Aragon,

    Edina Fujii,

    Luiz Guilherme de Souza Lima Pádua,

    Magdalena Rodrigues,

    João Batista Pimentel Neto

    Márcio Moraes

    Conselho Fiscal

    Ana Paul

    Geraldo Veloso

    Francisco Ferreira Pinto Filho

    Conselho Consultivo

    Antonio Leal

    Roger Madruga

    Pedro Pablo Lazzarini

    Solange Lima

    Luiz Alberto Cassol

    Luiz Alberto Rodrigues

    Nilson Vilas Bôas

    Tizuka Yamasaki

    Assunção Hernandes Moraes de Andrade

    Geraldo Moraes

    Jorge Luiz Saes Moreno

Comente!

O que você acha?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*

Pular para a barra de ferramentas