Projeto Classifique

Confira aqui a lista de candidatos selecionados e o cadastro de reserva para a etapa de habilitação do Projeto Classifique.

O Projeto Classifique foi criado através da Portaria nº26 da Secretaria Nacional de Justiça do Ministério da Justiça com o objetivo de ampliar o exercício democrático do controle social e da transparência na política de Classificação Indicativa.

Para convocar a sociedade a participar, o Edital nº 01 traz a finalidade, as atividades, os requisitos, os critérios. Enfim, todas as etapas que deverão ser cumpridas pelos cidadãos e cidadãs interessados em se tornar um classificador externo voluntário.

Os futuros classificadores participarão de uma oficina de habilitação ministrada pela Coordenação de Classificação Indicativa, que acontecerá em Brasília. Com ela, os selecionados passam a fazer parte do Cadastro Nacional de Classificadores Externos.

As atividades previstas pelo Projeto Classifique são: apoio ao monitoramento de jogos e aplicativos digitais; apoio ao monitoramento de programas exibidos nos âmbitos nacional ou regional, nas tvs aberta e fechada; apoio à classificação prévia de obras audiovisuais. A conclusão das atividades se dá com o preenchimento e entrega de relatórios exclusivos do Projeto Classifique, que serão disponibilizados posteriormente aqui no Portal.

O Projeto Classifique incentivará espaços de capacitação para os participantes.

Segundo o secretário nacional de Justiça, Paulo Abrão, a parceria com a sociedade civil na construção de políticas importantes, como as que envolvem a proteção da criança e adolescente, “ajuda a impedir que elas reflitam única e exclusivamente pensamentos governamentais”. “A participação direta da sociedade na aplicação dos critérios da classificação indicativa era o passo que faltava nesse processo”, enfatizou.

O Classifique tem como parceiros, além da sociedade civil, os colaboradores lotados na Coordenação de Classificação Indicativa, as imprensas de mídia, as redes de proteção (Conselhos Tutelares, Ministérios Públicos Estaduais e Federais e outros) e os especialistas no tema da proteção a crianças e adolescentes.

A avaliação e acompanhamento do Projeto serão feitos por meio dos indicadores que serão criados.

7 respostas para “”

  1. [...] Ministério da Justiça também criou o Projeto Classifique, que institui um cadastro nacional de classificadores externos. “A ideia é ampliar o [...]
  2. [...] Ministério da Justiça também criou o Projeto Classifique, que institui um cadastro nacional de classificadores externos. “A ideia é ampliar o [...]
  3. [...] Ministério da Justiça também criou o Projeto Classifique, que institui um cadastro nacional de classificadores externos. “A ideia é ampliar o controle [...]
  4. [...] Ministério da Justiça também criou o Projeto Classifique, que institui um cadastro nacional de classificadores externos. “A ideia é ampliar o [...]
  5. [...] Ministério da Justiça também criou o Projeto Classifique, que institui um cadastro nacional de classificadores externos. “A ideia é ampliar o controle [...]
  6. [...] Ministério da Justiça também criou o Projeto Classifique, que institui um cadastro nacional de classificadores externos. “A ideia é ampliar o controle [...]
  7. [...] link é http://culturadigital.br/classind/projeto-classifique/ - E o nome é PROJETO [...]

Deixe uma resposta

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.