Como obter código de barras e quais os seus tipos?

Mesmo sendo uma ferramenta essencial, é comum encontrar lojistas que desconhecem o poder dos códigos de barras e principalmente como efetuar a compra e começar a usufruir das suas vantagens.

Muitos lojistas necessitam de maior organização para os seus produtos, principalmente para as caixas, mas não sabem dessa incrível ferramenta existente no mercado.

Na verdade, encontrar códigos de barras para compra nem sempre é fácil. Muitos consumidores reclamam do alto preço e do processo burocrático para conseguir essa ferramenta.

A boa notícia é que existem empresas no mercado especializadas em códigos de barras pensando em soluções para lojistas que precisam de códigos de barras para suas caixas.

É sabido que os lojistas brasileiros enfrentam diversas dificuldades para colocar seus produtos no mercado e começar a ganhar dinheiro. O código de barras deve ser uma solução e não uma barreira para os comerciantes.

As empresas especializadas em códigos de barras visam facilitar o processo de aquisição dos códigos, para que os comerciantes consigam organizar melhor seus processos e controlar suas mercadorias.

Além disso, os códigos adquiridos devem ser corretos. Eles devem garantir segurança para que o lojista consiga organizar suas caixas de forma correta. Tudo isso para garantir a integridade dos produtos.

Tipos de códigos de barras existentes no mercado

No mercado atual, são dois os principais tipos de códigos de barras utilizados: UPC e EAN. O código de barras EPC é utilizado principalmente nos Estados Unidos e no Canadá.

O segundo é utilizado no restante do mundo, entrando nesse grupo o Brasil. Os comerciantes que estão começando a implementar códigos de barras em seus processos devem escolher entre esses dois formatos.

A decisão por um ou por outro deve levar em consideração, principalmente, a região do mundo em que os produtos vão ser comercializados.

Poucas são as diferenças entre esses dois formatos de código de barras. A principal delas diz respeito à sequência de dígitos. No UPC são doze números em sequência, ao passo que no EAN são treze números.

Apesar de serem estruturalmente diferentes, os dois modelos de códigos de barras fazem o mesmo trabalho: identificar os produtos de forma prática e eficiente.

Quais são os formatos dos códigos?

Atualmente, para não existirem complicações nesse processo, pelo fato de existirem vários tipos de formatos de códigos, na hora de passá-los para o produto os códigos são enviados em três formatos. Dessa forma, fica mais fácil de você escolher o formato que mais se adequa às suas necessidades. Veja os três tipos de formato no qual os códigos são enviados:

  • Formato de JPEG- O formato JPEG geralmente é o mais utilizado em vários tipos de imagens, principalmente aquelas que tiramos na câmera digital ou no celular. Tanto é que quando você for baixar qualquer tipo de imagem, você pode perceber que a maioria dos formatos são esses.

Portanto, o código de barras também é enviado nesse formato para evitar complicações. As fotos criadas em Photoshop costumam ter esse formato e elas apresentam uma boa resolução e qualidade.

  • Formato de EPS – Este tipo de formato é uma ótima opção quando você precisa alterar o tamanho da imagem. Afinal, dependendo do produto que você vai adicionar o código de barras, é importante alterar o tamanho sem perder a qualidade.

Dessa forma, o formato EPS é bastante utilizado pelas pessoas que trabalham com o design gráfico. Então, caso você tenha algum profissional que vá fazer as embalagens dos seus produtos é mais recomendável enviar o código nesse formato. Além disso, ele é um formato que é gerado por meio do Adobe Illustrator. Entretanto, essa é uma das ferramentas mais utilizada.

  • Formato TIFF- Por fim, o formato TIFF é propício para imagens que necessitam ter um fundo transparente. Por isso ele também é uma ótima opção para adicionar em embalagens. Mas apesar dessa vantagem, o formato TIFF não é tão ajustável como o EPS, por não ser próprio para isso. No entanto, cabe ao designer escolher o que é mais adequado para cada caso.

Além disso, vale destacar que esse tipo de formato é criado através da ferramenta PhotoShop, que também é bastante utilizada na criação de designes.

 

Fonte: https://codigosdebarrasbrasil.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*