Marco Civil da Internet no Brasil

Delagacia contra crimes na internet

Este tópico contém respostas, possui 12 vozes e foi atualizado pela última vez por Foto de perfil de Fernão Lopes Fernão Lopes 8 anos, 9 mes atrás.

Visualizando 15 posts - 1 até 15 (de 27 do total)
  • Autor
    Posts
  • #4522
    Foto de perfil de jeronimo cavalcante sampaio
    tokhost
    Participante

    Creio que seria proveitoso a criação de uma delegacia de ambito nacional para receber denuncias de crimes cometidas na internet de usuários e empresas. Crimes descritos em norma pré-establecida em pauta.

    #5429
    Foto de perfil de josecoura
    josecoura
    Participante

    Devemos primeiro definir o que vai ser definido como crime na internet?

    Definido o delito, precisamos saber como definir e identificar o autor e quais serão as provas para condenar o mesmo?

    Feito isto, vamos as restrições de direitos, quais seriam?

    #7293

    Devemos primeiro definir o que vai ser definido como crime na internet?

    Definido o delito, precisamos saber como definir e identificar o autor e quais serão as provas para condenar o mesmo?

    Feito isto, vamos as restrições de direitos, quais seriam?

    #5430

    Delegacia de âmbito nacional? Qual a justificativa? Juridicamente, aliás, acredito que seja impossível. Já existem várias delegacias de “crimes de informática” que são as da polícia civil, que geralmente tem competência para apurar estes delitos. 

    #7294

    Delegacia de âmbito nacional? Qual a justificativa? Juridicamente, aliás, acredito que seja impossível. Já existem várias delegacias de “crimes de informática” que são as da polícia civil, que geralmente tem competência para apurar estes delitos. 

    #5431
    Foto de perfil de lilax
    lilax
    Membro

    Existem avaliações do papel e da eficiência/eficácia das delegacias já existentes? Melhor, antes de pensar em criar delegacias, mais delegacias para aplicação da lei, perseguição a criminosos, investigação etc. não seria primeiro discutir o marco de direitos e deveres? pensar em mais uma delegacia não é colocar o carro na frente dos bois? pelo o que entendi do lançamento do estatuto a idéia é justamente o contrário.

    #7295

    Existem avaliações do papel e da eficiência/eficácia das delegacias já existentes? Melhor, antes de pensar em criar delegacias, mais delegacias para aplicação da lei, perseguição a criminosos, investigação etc. não seria primeiro discutir o marco de direitos e deveres? pensar em mais uma delegacia não é colocar o carro na frente dos bois? pelo o que entendi do lançamento do estatuto a idéia é justamente o contrário.

    #5432
    Foto de perfil de Emerson Wendt
    Emerson Wendt
    Participante

    Direitos e deveres já estão insculpidos na Constituição Federal e nas leis que existem. É só aplicá-los e resguardá-los e vice-versa. Concordo com uma delegacia, ao menos, por Estado. De caráter nacional enfrentaria a atribuição da Polícia Federal.

    #7296

    Direitos e deveres já estão insculpidos na Constituição Federal e nas leis que existem. É só aplicá-los e resguardá-los e vice-versa. Concordo com uma delegacia, ao menos, por Estado. De caráter nacional enfrentaria a atribuição da Polícia Federal.

    #5433
    Foto de perfil de rgerminiani
    rgerminiani
    Participante

    Eu concordo com lilax do que adianta criar uma delegacia virtual sendo que ainda nem colocamos parâmetros para decidir o que é direito e o que é errado no mundo virtual.!

    #7297

    Eu concordo com lilax do que adianta criar uma delegacia virtual sendo que ainda nem colocamos parâmetros para decidir o que é direito e o que é errado no mundo virtual.!

    #5434

    http://www.odfalliance.org

    Escreveu Michel Foucalt, “é preciso dar atenção às práticas reflexivas e voluntárias através das quais os homens não apenas se fixam regras de conduta mas procuram transformar-se, modificar-se na sua singularidade e fazer de sua vida uma obra que traga certos valores estéticos e respondam a certos critérios de estilo.”

     

    A indústria criativa, carece de visão estratégica (organização, método, planejamento) e visão inclusiva no acesso, difusão e economia. Os signos, os símbolos e as tradições, garantem a diversidade e a auto-sustentabilidade nos territórios culturais em arranjos produtivos locais.

     

    Descentralizar poder, com manejo estratégico situacional, significa constantemente realizar Balanço de gestão politica (avaliação das demandas politicas, qualidade da democracia…), com sistematicidade (realidade compartimentada, visão global e situacional). Balanço de intercâmbio (eficácia das ações, métodos e amplitude – fruição, reflexão, produção), com espaços para elaboração de projetos e formação de nucleos de experimentação de novos modelos dimensionais. Balanço econômico (formas compensatórias, habilidades tecnopoliticas e planejamento nas condições vigentes).

     

    #7298

    http://www.odfalliance.org

    Escreveu Michel Foucalt, “é preciso dar atenção às práticas reflexivas e voluntárias através das quais os homens não apenas se fixam regras de conduta mas procuram transformar-se, modificar-se na sua singularidade e fazer de sua vida uma obra que traga certos valores estéticos e respondam a certos critérios de estilo.”

     

    A indústria criativa, carece de visão estratégica (organização, método, planejamento) e visão inclusiva no acesso, difusão e economia. Os signos, os símbolos e as tradições, garantem a diversidade e a auto-sustentabilidade nos territórios culturais em arranjos produtivos locais.

     

    Descentralizar poder, com manejo estratégico situacional, significa constantemente realizar Balanço de gestão politica (avaliação das demandas politicas, qualidade da democracia…), com sistematicidade (realidade compartimentada, visão global e situacional). Balanço de intercâmbio (eficácia das ações, métodos e amplitude – fruição, reflexão, produção), com espaços para elaboração de projetos e formação de nucleos de experimentação de novos modelos dimensionais. Balanço econômico (formas compensatórias, habilidades tecnopoliticas e planejamento nas condições vigentes).

     

    #5435
    Foto de perfil de José Antonio Milagre
    José Antonio Milagre
    Participante

    Não creio que uma polícia especializada em tecnologia no âmbito federal irá resolver o problema do cybercrime no Brasil. Temos que considerar que os crimes contra a honra ainda são os mais praticados, e onerar o ambito federal com processos de calúnia, injuria e difamação não me parece algo sensato. Creio sim, que todos as capitais e principalmente grandes cidades do interior precisam de delegacias civis especializadas. Não podemos mais relegar à pedidos judiciais onerosos, quebras de sigilo que as delegacias poderiam requerer de forma mais rápida e informatizada, respeitando o cidadão que não tem condições. Ainda, mais que delegacias especializadas, precisamos de um instituito de criminalística em compasso com a tecnologia (com peritos que entendam de tecnologia) e varas especializadas em crimes tecnológicos. Pode ser utópico, mas só deste modo um marco regulatório, a meu modesto ver, será eficiente e eficaz. Pois sabemos, de nada adianta lei sem estrutura para efetivá-la no âmbito social.

    #7299

    Não creio que uma polícia especializada em tecnologia no âmbito federal irá resolver o problema do cybercrime no Brasil. Temos que considerar que os crimes contra a honra ainda são os mais praticados, e onerar o ambito federal com processos de calúnia, injuria e difamação não me parece algo sensato. Creio sim, que todos as capitais e principalmente grandes cidades do interior precisam de delegacias civis especializadas. Não podemos mais relegar à pedidos judiciais onerosos, quebras de sigilo que as delegacias poderiam requerer de forma mais rápida e informatizada, respeitando o cidadão que não tem condições. Ainda, mais que delegacias especializadas, precisamos de um instituito de criminalística em compasso com a tecnologia (com peritos que entendam de tecnologia) e varas especializadas em crimes tecnológicos. Pode ser utópico, mas só deste modo um marco regulatório, a meu modesto ver, será eficiente e eficaz. Pois sabemos, de nada adianta lei sem estrutura para efetivá-la no âmbito social.

Visualizando 15 posts - 1 até 15 (de 27 do total)

Você deve fazer login para responder a este tópico.