Foto: Renata Panchich | flickr.com/renata_pancich | Esta imagem está sob uma licença Creative Commons CC BY-NC-SA 2.0

Prorrogado prazo para contribuir com a elaboração do edital Cidades Sensitivas

O prazo para enviar sugestões para a elaboração do edital do programa Cidades Sensitivas foi prorrogado até o dia 21 de fevereiro. O processo é uma forma de dar transparência, envolver a sociedade na gestão das políticas públicas e aperfeiçoar o processo seletivo que, por meio de uma chamada pública nacional, selecionará 40 ocupações culturais urbanas.

Os interessados em contribuir devem consultar os itens disponíveis na plataforma http://culturadigital.br/cidadesensitiva e enviar críticas, observações e sugestões de alteração para o email cidadessensitivas@gmail.com. Dúvidas também poderão ser esclarecidas por meio do mesmo endereço eletrônico.

Edital – A chamada pública, voltada para pessoas físicas que desenvolvam ou apoiem iniciativas de ocupações culturais em territórios urbanos, será lançada no primeiro semestre de 2016, com um investimento total de R$ 800 mil. As propostas deverão prever atividades nas cidades brasileiras, a serem realizadas durante cinco meses. Cada projeto selecionado receberá R$ 20 mil para o desenvolvimento das ações propostas.

Cidades Sensitivas – O programa Cidades Sensitivas, realizado por meio de parceria entre o Ministério da Cultura e a Universidade Federal de Pernambuco, está desenvolvendo uma série de ações direcionadas a fornecer subsídios teóricos e práticos para a discussão do espaço público como lugar de expressão, reconhecimento de dinâmicas sociais – especialmente as historicamente excluídas, e debate das cidades enquanto espaço potente para experimentação de políticas públicas. O programa surge como desdobramento do programa piloto LabCEUs – Laboratórios de Cidades Sensitivas, buscando ampliar a pesquisa sobre o envolvimento das pessoas com os espaços urbanos, a partir do uso de tecnologias abertas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*