BAHIA | Projeto “Escreva, Preta!” promove roda de conversa no Centro Cultural Plataforma

escrevapreta_fotoadrieleregine

Na próxima sexta-feira (15), às 15h, o Centro Cultural Plataforma – espaço cultural administrado pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) – recebe o Projeto “Escreva, Preta!”, com mais um de seus ciclos de mesas redondas, abertas ao público, com intuito de oferecer conhecimento, afeto e sororidade. O diálogo desta edição recebe o nome de “Preta de Periferia tem fundamento”, trazendo a questão da mulher negra ser base da pirâmide da estrutura da sociedade, assim como o potencial desse grupo na representação social e econômica. A entrada é gratuita com classificação livre.

O projeto foi aprovado através da convocatória Ocupe Seu Espaço, a proposta é levar para o território do Subúrbio de Salvador a roda de conversa com mulheres negras falando sobre sua trajetória na comunidade periférica em que vive, com intuito de aproximação para mulheres com as outras em relação aos seus questionamentos que se devem a construção ideológica, política e social enquanto mulher negra de periferia.

Espaços Culturais da SecultBA – A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia mantém 17 espaços culturais em diversos territórios de identidade baianos, geridos pela Diretoria de Espaços Culturais (DEC), setor vinculado à Superintendência de Desenvolvimento Territorial da Cultura (Sudecult). Destes, cinco encontram-se em Salvador – Cine Teatro Solar Boa Vista, Espaço Xisto Bahia, Casa da Música de Itapuã, Centro Cultural de Plataforma e Espaço Cultural Alagados – e 12 nos municípios de Alagoinhas, Feira de Santana, Guanambi, Itabuna, Jequié, Juazeiro, Lauro de Freitas, Mutuípe, Porto Seguro, Santo Amaro, Valença e Vitória da Conquista. Para mais informações, acesse: www.espacosculturais.wordpress.com

Serviço

Projeto “Escreva, Preta!”
Quando: 15 de junho de 2018 (sexta) às 15h
Onde: Centro Cultural Plataforma
Gratuito

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*