ANCINE: Brasileiros são convidados a integrar Academia do Oscar

oscars18_1

A Agência Nacional do Cinema – ANCINE parabeniza os artistas brasileiros convidados a compor a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, entidade responsável por indicar e escolher os vencedores do Oscar.

Em busca de mais diversidade e representatividade, este ano a Academia convidou 928 novos membros, de 59 países diferentes, sendo 49% mulheres e 38%, não brancos.

A representação brasileira na entidade aumentará consideravelmente graças aos convites para:

Alice Braga (atriz) – Cidade de Deus (2002), Elysium (2013), A Cabana (2017);

Carlinhos Brown (músico) – Rio (2011), Rio 2 (2014);

Felipe Lacerda (editor) – Central do Brasil (1998), Ônibus 174 (2002), Chatô: O Rei do Brasil (2015);

Petra Costa (diretora) – Elena (2012), Olmo e a Gaivota (2015);

Helena Solberg (diretora)  Carmen Miranda: Banana Is My Business (1995), Vida de Menina (2003);

Maria Augusta Ramos (documentarista) – Justiça (2004), Juízo (2007), O Processo (2018);

Mauricio Osaki (curta-metragista) – Quando Tudo Formiga (2004), My Father’s Truck (2013);

Vânia Catani (produtora) – O Palhaço (2011), O Filme da Minha Vida (2017);

Karen Harley (montadora) – Zama (2017), Era Uma Vez Eu, Verônica (2012).

Caso aceitem o convite, cada um poderá votar em categorias específicas da premiação.

No ano passado, os brasileiros que se tornaram membros foram Rodrigo Santoro (“300”), Kleber Mendonça Filho (“Aquarius”), Cacá Diegues (“Deus é brasileiro”), Affonso Beato (“A rainha”), Heloísa Passos (“Lixo extraordinário”), Walter Carvalho (“Central do Brasil”), Mauricio Zacharias (“O amor é estranho”) Karim Aïnouz (“Madame Satã”) e Nelson Pereira dos Santos (“Vidas secas”).

Share
Este post foi publicado em Sem categoria em por .

Sobre Ministério da Cidadania - Regional Nordeste

São ainda responsabilidade do Escritório Regional Nordeste: fornecer subsídios para a formulação e avaliação das políticas, programas, projetos e atividades da Secretaria Especial do Desenvolvimento Social; a Secretaria Especial do Esporte; a Secretaria Especial de Cultura; auxiliar o Ministério da Cidadania na articulação com os órgãos federais, estaduais, municipais e entidades privadas, incluindo empresas, instituições culturais e o terceiro setor; atender e orientar o público quanto aos serviços prestados pelo Ministério; prestar apoio logístico e operacional aos fóruns de política cultural; exercer as atividades de ouvidoria; e exercer outras atividades determinadas pelo Ministro de Estado.