Arquivo da tag: Recife

Recife ter√° domingo de atividades no Jardim do Baob√°!

unnamedO INCITI/UFPE convida todas e todos para um domingo no Parque Capibaribe. A ideia √© ocupar um espa√ßo p√ļblico pouco conhecido e celebrar o marco inicial do Parque Capibaribe: o Jardim do Baob√°, localizado nas Gra√ßas (Recife-PE), atr√°s da Ponte D’Uch√īa. A √°rea entrar√° em obras em breve, mas j√° pode e deve ser ocupada pelas pessoas.

Para essa celebração nada melhor do que viver o Recife como uma Cidade-Parque! Lançamos então o convite para que cada um se aproprie dessa belíssima paisagem da cidade com sua atividade favorita.

Trata-se de um dia livre para propormos o que quisermos! A autonomia √© sua para, por exemplo, levar uma toalha e fazer um piquenique, instrumentos musicais para uma roda de som, ou cadeiras de praia para contempla√ß√£o na natureza ou leitura. E que tal promover debates, oficinas, medita√ß√Ķes, pr√°ticas esportivas, expedi√ß√Ķes? Caso queira que a gente divulgue sua a√ß√£o espec√≠fica, entre em contato com o INCITI pela p√°gina do Facebook.

Confirme presença em nosso evento no Facebook.
Compartilhe a sua experiência com a hashtag #DomingonoBaoba !
Conheça o projeto do Jardim do Baobá, marco inicial do Parque Capibaribe: http://goo.gl/Px41rW
******************************************************************
Quando: Neste domingo, 10 de abril a partir das 9h
Onde: No Jardim do Baob√°, atr√°s da Esta√ß√£o Ponte D’uchoa e do restaurante Papa-Capim (Bairro das Gra√ßas/Recife-PE)
Quanto: Entrada franca, claro!

Share

DDDança será aberto no dia 5 de abril no Recife

Artistas e gestores participam de uma s√©rie de a√ß√Ķes dedicadas √† dan√ßa no m√™s em que se comemora o Dia Internacional da Dan√ßa (29/04)

Publicado em 4 de abril de 2016ImprimirAumentar fonte
DDDan√ßa ‚Äď Divulga√ß√£o

DDDan√ßa ‚Äď Divulga√ß√£o

Come√ßa nesta ter√ßa-feira, 5 de abril, no Teatro Arraial Ariano Suassuna, no Recife, a segunda edi√ß√£o doDDDan√ßa, uma co-realiza√ß√£o de artistas da dan√ßa, do Governo de Pernambuco (Secult/Fundarpe) e da Funda√ß√£o Nacional de Artes (Funarte/MinC). A abertura ser√° √†s 19h30 com a apresenta√ß√£o do espet√°culo¬†Terra em outras terras, da dan√ßarina pernambucana Maria Paula Costa R√™go, do Grupo Grial. A programa√ß√£o, ao longo deste m√™s, inclui debates pol√≠ticos, performances, aulas, consultorias, interc√Ęmbios, espet√°culos, mostra de fotografia, interven√ß√Ķes visuais, entre outras a√ß√Ķes. No dia 29 de abril, quando se comemora o Dia Internacional da Dan√ßa, os participantes pretendem entregar um documento oficial com as pautas do setor ao ministro da Cultura, Juca Ferreira.

Para o representante da Funarte Norte-Nordeste, Naldinho Freire, trata-se de um momento importante para a dan√ßa no pa√≠s porque oDDDan√ßaculminar√° noEncontro Nacional da Dan√ßa, quando artistas entregar√£o uma proposta de pol√≠tica p√ļblica a representantes pol√≠ticos envolvidos com a cultura do pa√≠s. ‚Äú√Č um momento hist√≥rico que est√° se construindo no Recife porque contaremos com a presen√ßa de pessoas que n√£o s√≥ fazem a dan√ßa nos palcos e nas ruas, mas que tamb√©m pensam o setor politicamente. Trata-se de um projeto que tem o apoio completo do Minist√©rio da Cultura e da Funarte, principalmente devido ao nosso interesse por construir marcos legais para o setor‚ÄĚ, explica Naldinho Freire. O secret√°rio estadual de Cultura de Pernambuco, Marcelino Granja, tamb√©m ressalta que o¬†DDDan√ßa‚Äú√© um momento oportuno para a pactua√ß√£o de pol√≠ticas p√ļblicas que fomentem toda a cadeia produtiva do setor e tamb√©m de interc√Ęmbio entre os grupos‚ÄĚ.

As inscri√ß√Ķes para participar do evento estar√£o abertas at√© o dia 12 de abril e podem ser feitas atrav√©s do sitewww.dddanca.wordpress.com.

Read more:http://www.funarte.gov.br/danca/dddanca-sera-aberto-no-dia-5-de-abril-no-recife/#ixzz44tR2TEXR
Follow us:funarte on Facebook

Share

Encontros sobre o PRODAV TVs P√ļblicas em Pernambuco

No dia 10 de mar√ßo (Quinta-feira) Hermano Figueiredo estar√° conversando com a comunidade audiovisual para apresentar o edital Prodav 09. O Encontro ser√° realizado na Torre Malakoff com entrada gratuita, direcionado para realizadores/as e produtores/as independentes do Recife. Hermano Figueiredo √© produtor executivo do Escrit√≥rio Regional Nordeste da Linha de Produ√ß√£o de Conte√ļdos Destinados √†s TVs P√ļblicas.

No dia 15 de mar√ßo(ter√ßa-feira) Hermano estar√° em Caruaru conversando com a comunidade audiovisual do agreste pernambucano, tirando d√ļvidas sobre o edital que est√° com as inscri√ß√Ķes abertas at√© o dia 31 de mar√ßo. Em Caruaru, o Encontro ser√° realizado no Museu do Barro, as 19 horas, com entrada gratuita.

A Linha de Produ√ß√£o de Conte√ļdos destinados √†s TVs P√ļblicas, do Programa Brasil de Todas as Telas, tem como objetivo a regionaliza√ß√£o da produ√ß√£o de conte√ļdos audiovisuais independentes para destina√ß√£o inicial ao campo p√ļblico de televis√£o (segmentos de TV universit√°ria, comunit√°ria e educativa e cultural).

Pelo segundo ano consecutivo, a linha disponibiliza R$ 60 milh√Ķes, em recursos do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA), para investimentos em obras destinadas ao campo p√ļblico de televis√£o, nos segmentos de TV universit√°ria, comunit√°ria e educativa e cultural.

Com o objetivo de regionalizar a produ√ß√£o de conte√ļdos audiovisuais independentes, os editais s√£o divididos pelas cinco regi√Ķes do Pa√≠s disponibilizando R$ 12 milh√Ķes para cada regi√£o.

Os perfis de programa√ß√£o foram definidos a partir das propostas levantadas durante o Semin√°rio de Programa√ß√£o da Linha de Produ√ß√£o de Conte√ļdos destinados √†s TVs P√ļblica com representantes de aproximadamente 100 canais de programa√ß√£o e emissoras dos segmentos universit√°rio, comunit√°rio, e educativo e cultural do campo p√ļblico de televis√£o, al√©m da participa√ß√£o remota de 40 TVs desses segmentos.

As Chamadas P√ļblicas regionais s√£o operadas por meio de uma parceria entre a ANCINE, a Secretaria do Audiovisual do Minist√©rio da Cultura e a Empresa Brasil de Comunica√ß√£o (EBC), e conta com o apoio da Associa√ß√£o Brasileira de Televis√£o Universit√°ria (ABTU), Associa√ß√£o Brasileira de Canais Comunit√°rios (ABCCOM) e Associa√ß√£o Brasileira de Emissoras P√ļblicas Educativas e Culturais (ABEPEC).

Encontros com Hermano Figueiredo

  • Recife-PE

    Dia10 de março 2016 (quinta-feira), 15h

    Local de realização: Torre Malakoff (segundo andar)

    Endereço:Praça do Arsenal, s/n РRecife Antigo

  • Caruaru-PE

    Dia 15 de março 2016 (terça-feira), 19h

    Local de realização: Museu do Barro de Caruaru РAuditório.
    Endere√ßo: Pra√ßa Cel. Jos√© de Vasconcelos, 100, Centro ‚Äď Caruaru (do lado do p√°tio de eventos Luiz Gonzaga)

Apoios institucionais em Caruaru-PE:

– Secretaria de Participa√ß√£o Social ‚Äď Prefeitura Municipal de Caruaru

РCurso de Comunicação Social, Centro Acadêmico do Agreste da Universidade Federal de Pernambuco (CAA/ UFPE )

РFederação Pernambucana Cineclubes (FEPEC)

– Museu do Barro de Caruaru (MUBAC).

Conheça o Edital Prodav 09/2015, disponível no site do BRDE.

LOGOMARCAS OFICINAS PE

Share

Programação Carnaval do Recife 2016

Carnaval-Recife-2016-Programação

 

 

 

 

Recife √© a terra do Frevo, do Maracatu, do Caboclinho. √Č tamb√©m o lugar do Coco, do Boi, do Samba. No Carnaval, o povo com sua riqueza cultural¬†invade as ruas da capital pernambucana e, democraticamente,¬†faz uma das mais bonitas festas do planeta, onde cabem todos os sons, cores e muita alegria.

Celebrando esta alegria, em 2016 ser√£o tr√™s os homenageados do Carnaval recifense: Maestro Forr√≥ e as agremia√ß√Ķes centen√°rias Clube Carnavalesco Misto P√£o Duro e¬†Maracatu Na√ß√£o Porto Rico.

A Prefeitura do Recife re√ļne todas as secretarias municipais num esfor√ßo conjunto para garantir que a beleza da maior festa popular do mundo n√£o seja comprometida, e que¬† o Carnaval ocorra da forma mais animada e ordeira poss√≠vel.

Al√©m disso, promove polos de anima√ß√£o durante todo o Ciclo Carnavalesco. A programa√ß√£o, composta por 99% de atra√ß√Ķes pernambucanas, come√ßa logo ap√≥s a Queima da Lapinha com os ensaios dos Maracatus, os Acertos de Marcha e os Concursos. Depois, a festa toma conta de toda a cidade.

Em 2016, mais de duas mil apresenta√ß√Ķes acontecer√£o entre os dias 5 de janeiro e¬† 9 de fevereiro.¬†¬†No total, o Carnaval do Recife re√ļne¬†52 polos oficiais, divididos em nove polos Centrais, 34 polos de Bairros,¬†tr√™s polos Infantis¬†e seis¬†Corredores da Folia.

Por esses espaços passarão artistas pernambucanos como Lenine, Elba Ramalho, Spok Frevo Orquestra, Claudionor Germano, Alceu Valença, Nação Zumbi, Geraldo Azevedo, Almir Roche, André Rio, Nena Queiroga, Otto, Ayrton Montarroyos  e Maestro Forró.

Tamb√©m se apresentar√£o agremia√ß√Ķes como o Clube Carnavalesco Misto P√£o Duro e o ¬†Maracatu Na√ß√£o Porto Rico; o Caboclinho 7 Flexas, o Maracatu Piaba de Ouro, o Bloco da Saudade e nomes nacionais como O Rappa, Emicida, Jota Quest, Luiza Possi, Jorge Arag√£o, ¬†Leci Brand√£o e Grupo Fundo de Quintal.

Este ano, o Polo do Samba passa a ser na Rua da Moeda, j√° que a Avenida Nossa Senhora do Carmo abrigar√° o Concurso de Agremia√ß√Ķes.¬†Outra novidade √© que a tradicional Noite do Samba no Marco Zero ser√° no domingo, dia 7 de janeiro.

Polos Infantis¬†‚Äď Um espa√ßo para a fam√≠lia, os Polos Infantis s√£o uma das marcas da atual gest√£o. Tr√™s parques da cidade (Santana, Jaqueira e Dona Lindu) se preparam para oferecer uma programa√ß√£o toda voltada para os pequenos.

Quartel General do Frevo¬†‚Äď O ano de 2015 trouxe de volta √† Pra√ßa da Independ√™ncia as mais tradicionais Orquestras de Frevo. Agora, em 2016, o Quartel General do Frevo volta a animar o espa√ßo, por onde passar√£o nomes como¬†os dos maestros Formiga, Duda, Nunes, Lessa e Edson Rodrigues.

Para ver a programação completa clique aqui! programacao_carnaval_recife_2016

Texto: http://www.carnavalrecife.com/

Share

Projeto ‚ÄúSons e Sentidos: Circula√ß√£o do espet√°culo Quincas‚ÄĚ chega ao Recife

unnamedNos dias 3 e 4 de junho, o grupo de Teatro paraibano Osfodid√°rio leva ao palco do Hermilo Borba Filho, em Recife, o seu espet√°culo Quincas, projeto de livre adapta√ß√£o do livro A morte e a morte de Quincas Berro D‚Äôagua, do escritor baiano Jorge Amado. O grupo faz uso da com√©dia para recontar a hist√≥ria dessa figura ic√īnica de Salvador, onde a narra√ß√£o fica por conta dos seus quatro insepar√°veis amigos: Curi√≥, Negro Pastinha, Cabo Martim e P√©-de-Vento.

A ess√™ncia da hist√≥ria original √© preservada,¬† fazendo uso do ambiente marginal em oposi√ß√£o ao mundo mesquinho e preconceituoso da burguesia amante das apar√™ncias, o espet√°culo tem como ponto forte o uso da √°gua como representa√ß√£o da embriagu√™s, as l√°grimas da perda, o mar. Embebidos neste universo, os personagens-narradores seduzem o p√ļblico a este mergulho po√©tico nas √°guas sem fim do ‚Äúcampe√£o do falecimento‚ÄĚ, Quincas Berro D‚Äô√°gua. Continue lendo

Share

Cais Estelita é tema de encontro do MinC com ativistas sociais de Recife

20150522_OcupeEstelita_FotoLiadePaula (76)Representantes do Movimento Estelita Brasil, da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e dirigentes do Minist√©rio da Cultura (MinC) estiveram reunidos na tarde dessa sexta-feira, dia 22, para discutir a situa√ß√£o do Cais Estelita, localidade do centro hist√≥rico de Recife (PE). O movimento est√° mobilizado para impedir a constru√ß√£o de um empreendimento que prev√™ a implanta√ß√£o, no local, de 12 torres com at√© 40 andares. Hoje, o projeto est√° suspenso gra√ßas a a√ß√Ķes judiciais que questionam sua legalidade.

O m√ļsico pernambucano Otto, representante do movimento, alega que o projeto causar√° forte impacto na estrutura urbana e ambiental de Recife. “Temos uma cidade relevante na cultura e na hist√≥ria do Pa√≠s e n√£o podemos aceitar esse crime, essa trag√©dia que est√° ocorrendo em Recife”, disse. Para ele e para os demais integrantes do Ocupe Estelita, ao inv√©s da constru√ß√£o de pr√©dios, deveria ser feita a revitaliza√ß√£o do centro da cidade como forma de preservar os monumentos e humanizar o espa√ßo p√ļblico.

A reuni√£o contou com a presen√ßa do ministro Juca Ferreira, da presidenta do Instituto do Patrim√īnio Hist√≥rico e Art√≠stico Nacional (Iphan), Jurema Machado, do secret√°rio-executivo do MinC, Jo√£o Brant, e do secret√°rio de Pol√≠ticas Culturais, Guilherme Varella. Representando o Ocupe Estelita, al√©m de Otto, estiveram presentes o diretor do movimento Estelita Brasil, S√©rgio Urt, os professores Liana Lins e Tom√°s Lapa, da Universidade Federal de Pernambuco, e o produtor cultural Eduardo Vieira. Eles entregaram ao minist√©rio um documento pedindo o tombamento do Cais Estelita com o intuito de preserva√ß√£o da paisagem do centro da cidade.

Durante o encontro, o ministro Juca Ferreira se mostrou sens√≠vel √† causa por entender que Recife e outras cidades brasileiras foram devastadas por um processo de especula√ß√£o imobili√°ria predat√≥ria, que deve ser discutido e contido. “√Č preciso um reordenamento geral do planejamento urbano das cidades brasileiras. Recife √© uma delas”, afirmou o ministro. “A luta de voc√™s √© justa”, completou.

A presidenta do Iphan, Jurema Machado, fez uma apresenta√ß√£o, durante o encontro, sobre o hist√≥rico do espa√ßo e a√ß√Ķes realizadas por l√°. “Recife talvez seja a cidade mais maltratada por sua legisla√ß√£o urban√≠stica”, lamentou. Ela explicou que, a pedido do Movimento, o Iphan est√° reavaliando o Cais Estelita, que n√£o havia sido considerado √°rea pass√≠vel de tombamento pelo Instituto. Segundo Jurema, o caso est√° nas m√£os dos t√©cnicos e ainda n√£o h√° uma data de conclus√£o dos estudos.

TEXTO: AsCom/MinC

Share

Nordeste discute agenda de circulação cultural para 2015 e 2016

Encontro com produtores de cultura alternativa. Foto: divulgação

Encontro com produtores de cultura alternativa. Foto: divulgação

A cria√ß√£o de uma agenda de circula√ß√£o cultural no Nordeste para 2015 e 2016 foi um dos principais temas do encontro realizado no Audit√≥rio do Instituto do Patrim√īnio Hist√≥rico e Art√≠stico Nacional (IPHAN-PE), na manh√£ da √ļltima ter√ßa-feira (17/3). O evento contou com a participa√ß√£o de produtores culturais independentes da Para√≠ba e de Pernambuco e de diversas institui√ß√Ķes p√ļblicas.

Continue lendo

Share

Caixa Cultural promove Encontro de Crítica de Arte ABCA: Artes Visuais em Pernambuco

AUm importante momento de reflexão sobre a arte pernambucana será realizado de 25 a 27 de março na CAIXA Cultural Recife com o Encontro de Crítica de Arte ABCA: Artes Visuais em Pernambuco.

Profissionais que atuam no mercado das artes participar√£o dos debates e palestra, com foco na cr√≠tica de arte ampla e na busca por incentivar reflex√Ķes e pesquisas no dom√≠nio das disciplinas significativas para arte.

A proposta é contribuir para a produção artística e para a teoria da arte, não apenas nas esferas visuais, mas também na educação e na cultura. Além da palestra e mesas de debate, haverá visitas a espaços culturais e uma feira de livro sobre a temática.

Continue lendo

Share

Comiss√£o de Avalia√ß√£o dos LabCEUs se re√ļne no Recife para analisar projetos inscritos na Chamada P√ļblica

A Comiss√£o de Avalia√ß√£o dos LabCeus – Laborat√≥rios de Cidades Sensitivas – se reuniu, na tarde da √ļltima quinta-feira (05/02), no InCiti – Recife, com o objetivo de analisar os cerca de 260 projetos que est√£o concorrendo √† Chamada P√ļblica de ocupa√ß√£o dos Laborat√≥rios Multim√≠dias¬† dos Centros de Artes e Esportes Unificados (CEUS). Promovido pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), por meio do InCiti – Pesquisa e Inova√ß√£o para as Cidades, em parceria com o Minist√©rio da Cultura (MinC), o programa pretende selecionar 15 projetos.

20150205_154708

Comissão de Avaliação dos LabCEUs reunidos no prédio do InCiti, em Recife

“A ideia √© ocupar para al√©m dos laborat√≥rios, extrapolando-os, usando tecnologias – tanto sociais quanto ferramentais – para repensar o espa√ßo das cidades onde os CEUS est√£o inseridos, de uma maneira em que os cidad√£os possam se apropriar civicamente, fazendo projetos de inova√ß√£o e transforma√ß√£o social”, explica a Diretora de Gest√£o, Empreendedorismo e Inova√ß√£o da Secretaria de Economia Criativa, Ge√≥rgia Nicolau.

Dos quinze contemplados, dez (10) poder√£o realizar ocupa√ß√Ķes de 2 meses de dura√ß√£o, enquanto cinco (05) ter√£o 4 meses para desenvolverem suas atividades. As apropria√ß√Ķes dos laborat√≥rios poder√£o ser realizadas em CEUs das seguintes cidades: Lu√≠s Eduardo Magalh√£es (BA), Horizonte (CE), Petrolina (PE), S√£o F√©lix do Xingu (PA), Campo Largo (PR), Erechim (RS), √Āguas Lindas de Goi√°s (GO), Colatina (ES), Sete Lagoas (MG) e Sert√£ozinho (SP).

Sob uma perspectiva local, a ativista cultural olindense Beth de Oxum, que comp√Ķe a Comiss√£o de Avalia√ß√£o, v√™ o projeto tamb√©m como um incentivador ao resgate da cultura regional. “Aqui em Pernambuco estamos na semana pr√©-carnavalesca e as r√°dios n√£o tocam m√ļsicas do g√™nero: frevo, maracatu, coco, afox√©, nem mesmo o caboclinho. Tudo o que ouvimos s√£o estes fen√īmenos imediatos onde, da mesma forma que surgem, somem. Ent√£o precisamos resgatar o som que faz parte da nossa hist√≥ria. Estimular esse pensamento √© tamb√©m um dos princ√≠pios da ocupa√ß√£o”, pontua.

Além de Geórgia (SEC/MinC) e Beth (UFPE/InCiti), a Comissão foi composta pelos membros da InCiti Adriano Belisário, André Moraes, Circe Monteiro, Daniel Marostergan, Gisele Vasconcelos, Isabelle Albuquerque, Maíra Brandão, Ricardo Ruiz, Ricardo Brazileiro e Paulo Sergio Barbosa PC. Da Representação Regional Nordeste do Ministério da Cultura (RRNE/MinC), participa Roberto Azoubel.

Ser√£o concedidas bolsas de pesquisa e extens√£o universit√°ria nos valores de R$ 8 mil reais para as apropria√ß√Ķes de 2 meses, e 16 mil reais para as de 4 meses. As ocupa√ß√Ķes ser√£o realizadas entre o per√≠odo de 02 de mar√ßo a 30 de julho de 2015.

 TEXTO e IMAGEM: Thomas Gonçalves AsCom RRNE/MinC

Share

Recife, João Pessoa e Fortaleza receberão oficinas de qualificação de projetos. Inscreva-se!

A Secretaria do Audiovisual do Minist√©rio da Cultura (MinC), em parceria com a Funda√ß√£o Joaquim Nabuco (Fundaj) e Unidades T√©cnicas de Gerenciamento do Programa de Apoio ao Desenvolvimento do Audiovisual Brasileiro (Prodav), realizar√°, em janeiro e fevereiro de 2015, oficinas de qualifica√ß√£o de projetos em 12 cidades brasileiras. O objetivo √© preparar os interessados em participar dos editais do Prodav da linha das TVs p√ļblicas.

Por meio do edital, iniciativa da SAV e da Ag√™ncia Nacional do Cinema (Ancine)‚Äč,‚Äč com recursos do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA), ser√£o destinados R$ 12 milh√Ķes ‚Äča‚Äč cada uma das regi√Ķes (Norte, Nordeste, Centro Oeste, Sudeste e Sul) para a produ√ß√£o de conte√ļdos de anima√ß√£o, fic√ß√£o e document√°rio, de obras seriadas e n√£o seriadas. As inscri√ß√Ķes ficar√£o abertas at√© o final de fevereiro de 2015.

Serão realizadas três oficinas (animação, ficção e documentário) em cada uma das seguintes capitais:

  • Porto Alegre
  • S√£o Paulo
  • Bras√≠lia
  • Recife
  • Aracaju
  • Fortaleza
  • Salvador
  • Jo√£o Pessoa
  • Manaus
  • Bel√©m
  • Palmas
  • Rio Branco

Cada oficina terá até 30 vagas, a serem preenchidas por ordem de inscrição, desde que cumpridos os requisitos.

Para se inscrever, o proponente deve preencher o formulário e enviá-lo na forma indicada. O interessado deverá apresentar proposta de projeto para a categoria da oficina que pretende cursar, contendo nome, formato, uma pequena sinopse e o estágio do projeto. Também deverá apresentar uma carta de intenção de uma empresa produtora, responsável pelo filme, devidamente registrada na Ancine, se comprometendo a realizar o projeto.

‚ÄčAbaixo data, local e categoria das oficinas:

  • Aracaju (SE) – Anima√ß√£o – 30/01/2015 a 01/02/2015
  • Aracaju (SE) – Document√°rio – 14/01/2015 a 16/01/2015
  • Aracaju (SE) – Fic√ß√£o – 30/01/2015 a 01/02/2015
  • Bel√©m (PA) – Anima√ß√£o – 16/01/2015 a 18/01/2015
  • Bel√©m (PA) – Document√°rio – 20/01/2015 a 22/01/2015
  • Bel√©m (PA) – Fic√ß√£o – 06/02/2015 – a 08/02/2015
  • Bras√≠lia (DF) – Anima√ß√£o – 21/01/2015 a 24/01/2015
  • Bras√≠lia (DF) – Document√°rio – 14/01/2015 a 17/01/2015
  • Bras√≠lia (DF) – Fic√ß√£o – 07/01/2015 a 10/01/2015
  • Fortaleza (CE) – Anima√ß√£o – 16/01/2015 a 18/01/2015
  • Fortaleza (CE) – Document√°rio – 30/01/2015 a 01/02/2015
  • Fortaleza (CE) – Fic√ß√£o – 06/02/2015 a 08/02/2015
  • Jo√£o Pessoa (PB) – Anima√ß√£o – 06/02/2015 a 08/02/2015
  • Jo√£o Pessoa (PB) – Document√°rio – 16/01/2015 a 18/01/2015
  • Jo√£o Pessoa (PB) – Fic√ß√£o – 30/01/2015 a 01/02/2015
  • Manaus (AM) – Anima√ß√£o – 29/01/2015 a 01/02/2015
  • Manaus (AM) – Document√°rio – 21/01/2015 a 24/01/2015
  • Manaus (AM) – Fic√ß√£o – 14/01/2015 a 17/01/2015
  • Boa Vista (RR) – Anima√ß√£o – 3/02/2015 a 7/02/2015
  • Boa Vista (RR) – Document√°rio – 6/02/2015 a 08/02/2015
  • Boa Vista (RR) – Fic√ß√£o – 23/01/2015 a 25/01/2015
  • Porto Alegre (RS) – Anima√ß√£o – 21/01/2015 a 24/01/2015
  • Porto Alegre (RS) – Document√°rio – 07/01/2015 a 10/01/2015
  • Porto Alegre (RS) – Fic√ß√£o – 14/01/2015 a 17/01/2015
  • Recife (PE) – Anima√ß√£o – 21/01/2015 a 24/01/2015
  • Recife (PE) – Document√°rio – 07/01/2015 a 10/01/2015
  • Recife (PE) – Fic√ß√£o – 14/01/2015 a 17/01/2015
  • Rio Branco (AC) – Anima√ß√£o – 30/01/2015 a 01/02/2015
  • Rio Branco (AC) – Document√°rio – 23/01/2015 a 25/01/2015
  • Rio Branco (AC) – Fic√ß√£o – 6/02/2015 a 8/02/2015
  • Salvador (BA) – Anima√ß√£o – 16/01/2015 a 18/01/2015
  • Salvador (BA) – Document√°rio – 30/01/2015 a 1/02/2015
  • Salvador (BA) – Fic√ß√£o – 02/02/2015 a 05/02/2015
  • S√£o Paulo (SP) – Anima√ß√£o – 21/01/2015 a 24/01/2015
  • S√£o Paulo (SP) – Document√°rio – 07/01/2015 a 10/01/2015
  • S√£o Paulo (SP) – Fic√ß√£o – 14/01/2015 a 17/01/2015

TEXTO: AsCom/MinC

Share