Jornal Voz do Negro

O jornal Voz do Negro é um jornal de Belo Horizonte – MG e faz parte do Órgão da Sociedade Afro Brasileira, seu primeiro número foi lançado em julho de 1984 – tinha colaboradores : a Transportadora Nova Capital LTDA, Casa dos Correios LTDA e o Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviários de Belo Horizonte. Apresenta-se nesta primeira edição matérias relacionadas à saúde e a história do negro.

  • Voz do Negro – N°1, Julho de 1984

Temos em destaque na primeira página em relação à saúde uma pequena coluna de título: “racismo é ódio! E odiar Constantemente é prejudicial a saúde. ”Sendo assim, o jornal mostra o racismo como uma forma de ódio. Segundo pesquisas feitas pela Universidade de Colúmbia, nos Estados Unidos, odiar pode trazer danos à saúde, assim como úlceras, dores de cabeça, derrame entre vários outros problemas.

Nesta mesma página, também está presente uma coluna sobre a história de Anibal, um imperador negro de Cartago entre os anos de 247 à 183 a.C. Foi considerado um dos maiores imperadores, conquistador de várias terras entre elas territórios pertencentes á Itália e Espanha.

Na segunda página destaca-se uma coluna de título “Moisés Negro”, um discurso feito pelo líder negro Marting Lutrher King, assassinado no dia 4 abril de 1968, durante a estadia em um hotel no Tennessee na cidade de Memphis. É destaque na coluna o discurso mencionado durante, a premiação no Nobel da Paz – o discurso serviu como denúncia as políticas feitas pela sociedade branca que visa marginalizar o povo negro. Ainda na mesma página, está presente uma pequena tábela, na qual está expresso uma pesquisa mostrando o perfil da sociedade brasileira no ano de 1980. Com isso, o jornal também denúncia a não veracidade da pesquisa, que põe o negro em menor número enquanto o numero de brancos é maior, além de apresentar a categoria parda no seguimento de cor negra.

Seguindo na mesma página, temos uma coluna de título “Racismo na Câmara”, narrando um episódio de racimo contra uma funcionária negra, na Câmara dos deputados no Mato Grosso.

Para finalizar o jornal apresenta o Orgão da Sociedade Afro Brasileira. Sendo assim, foi

fundado no dia 31 de 1975 na cidade de Belo Horizonte/MG, para fins socioeconômicos e culturais, com o objetivo de contribuir para a elevação da autoestima do povo negro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*