Em Destaque

Delegados e Suplentes Eleitos – MG, PE, GO, RS, ES, SC, RJ, PR, AL, PA , SP, RR, DF, CE, PB, MS e PI

01 – MG:

Músico: Pablo Castro (COMUM – Cooperativa da Música de Minas) – Suplente: Lucas de Ávila Carvalho Fleury Mortimer (FEM – Fora do Eixo Minas);

Entidade: Vítor Santana (SIM – Sociedade Independente da Música) – Suplente: Flávio Henrique Alves Oliveira (Associação dos Amigos do Museu do Clube

da Esquina);

Produtor: Talles Lopes (FEM – Fora do Eixo Minas) – Suplente: Emerson Eustáquio (Operador de Som).

 02 – PE:

Artístico-Criativa: Maestro Ademir Araújo (Titular) / Adelmo Apolônio (Suplente);

Associativa: Gabriel Cardoso (Titular) / Telma Andrade (Suplente);

Produtiva: Prazeres Barros (Titular) / Teresa Accioly (Suplente).

 03 – GO:

Músico: Titular – Pedro Santos “Gaveta” (ASCCOM-GO); Suplente: João Lucas Johnny Suxxx;

Entidade: Titular – Virgílio Alencar, (Pontão de Cultura República do Cerrado); Suplente: Tiao Donato (IGC – Inhumas-GO);

Produtor: Fabrício Nobre, (Monstro Produções Ltda.); Suplente: Pablo Kossa (Fosforo Cultural).

 04 – RS:

Artístico-Criativa: Titular – Manoel Santiago Neto, Suplente: Moyses

de Deus Lopes Filho;

Produtiva: Titular – Jeferson Bernardo Sauer Engelmann, Suplente:

Leonardo Boézio Alves Márquez;

Associativa: Titular – Éverton dos Santos Rodrigues,  Suplente:

Richard Belchior Klipp Burgdurff.

 05 – ES:

Músico: Titular – Fabrício Noronha (MPB), Suplente – Murilo Abreu (IAPA – Instituto Arte Pela Arte e UNIMUS);

Entidade: Marcio Xavier UNIMUS (Cooperativa de Música do Espírito Santo), Suplente – Nelson Mendes Jr. – Empresário e produtor artístico;

Produtora: Aline Yasmin (Instituto Quórum), Suplente – Alexandre Mignoni – Empresário e produtor artístico.

06 – SC:

Músico: Titular – Guilherme Zimmer (músico/produtor) , Suplente – Caio de Capua (professor);

Entidade: Titular – Jean Mafra (músico/produtor) , Suplente – Israel do Vale (jornalista/ produtor);

Produtor: Titular – Alexei Leão (músico/produtor) , Suplente – Guilherme Coutinho (advogado/músico) .

07 – RJ:

Artistico-Criativa – Titular: Débora Cheyne; Suplente: Tibério Gaspar;

Associativa – Titular: Léo Borges;  Suplente: Luíza Bittencourt;

Produtiva – Titular: Téo Lima ; Suplente: Léo Feijó.

08 – PR:

Criativa – Titular: Cláudio Ribeiro (Escola de Samba Filhos da Capela) – Suplente: Juliane Neres Fiorezi (MPB – Música Para Baixar);

Associativa – Titular: Maurício Dottori (Associação Brasileira de Cognição e Artes Musicais) – Suplente: Rafael Wasmann (Situação);

Produtiva – Titular: Oswaldo Euclides Aranha (Associação dos Produtores Independentes de Música) – Suplente: Luigi Castell (ABPÁudio).

09 – AL:

Músico – Titular – Deyves José da Silva,  Suplente –  Wilson Basílio (Basílio Sé);

Entidade – Titular – José Sóstenes Nascimento de Lima,  Suplente- Oscar Garcia Agreda;

Produtor – Titular – Luiz Roberto Barros Farias, Suplente – Luiz Fernando Barbosa Gomes Magalhães.

10 – PA:

Musicista: Titular – Gláfira Fonseca Lobo – cantora, produtora (Pró Rock / Na Music), Suplente – Márcio Macedo –  compositor / produtor (MM Produções);

Produtora: Titular – Bárbara de Andrade Cristo –  Produtora (Megafônica), Suplente – Juçará Abé –  musicista / produtora (Cultura Ativa);

Entidade: Titular – Agostinho dos Santos Filho –  cantor, compositor (Bafafá do Pará), Suplente – Renato Gusmão –  compositor.

11 – SP:

Artística-Criativa: Titular – João Parahyba; Suplente – Mário Henrique;

Associativa: Titular – Luis Felipe Gama; Suplente – Gabriel Alves;

Produtiva: Titular – James Lima; Suplente – Carlos KK Mamoni.

12 – RR:

Músico – Titular – Sérgio Barros – Compositor / Cantor / Músico (Suplente?);

Entidade – Titular – Cláudio Moura – Professor do Instituto de Música de Boa Vista (Suplente?);

Produtor – Titular – Victor Matheus Matos – Membro Fora do Eixo / Canoa Cultural (Suplente?).

13 – DF:

Área artístico/criativa – Titular: Rodrigo Otávio Tavares (músico, DJ, produtor / Só Som Salva); – Suplente: Beatriz Salles (musicista / Coordenadora do Grupo de Produção Cultural da Universidade de Brasília);

Área Produtiva – Titular: Alexandra (Capone) Ferreira Gonçalves (produtora / Triskélion Produções, FPMDF e ASSOM); – Suplente: Jaqueline Bittencourt (produtora / Coletivo Esquina, Fora do Eixo – Brasília);

Área Associativa – Titular: Gustavo Sá (produtor / Porão do Rock, ABRAFIN); – Suplente: Doner Cavalcante (músico / AMABRA, Orquestra Filarmônica de Brasília.

14 – CE:

Artístico-Criativa – Titular: José Brasil – RedeCem / FMN / Escola de Musica de Sobral; – Suplente: Valdinez Cláudio – Regente de coral do SESC;

Associativa – Titular: Amaudson Ximenes – RedeCem / FMN / ACR; – Suplente: Joana Martins – UNIMASC;

Ivan Ferraro (Mercado) – RedeCem / FMN / PRODISC; – Suplente: Kelly Brasil (Mercado) – EmPauta Produções.

15 – PB:

Músico – Titular: Carlos Anísio (músico, membro do depto. de música da UFPB); –

Suplente: Vanildo Mousinho (professor universitário, membro do depto. de musicalização da UFPB e da ABEM);

Entidade – Titular: Giancarlo (músico, produtor musical, pesquisador, representante do NaTora Coletivo – Campina Grande); – Suplente: Mira Maya (musicista).

Produtor – Titular: Rayan Lins (produtor, músico, representante do Coletivo Mundo – João Pessoa); – Suplente: André Anteiro (músico, representante do Coletivo Mundo);

16 – MS:

Músico – TItular: Rodrigo Faleiros –  (Maestro Assistente da Orquestra Sinfônica Municipal de Campo Grande/Baixista Jennifer Magnética/Circuito Fora do Eixo), Suplente: Elânio – (Músico);

Entidade – Titular: Marcio de Camillo – (Músico regional associado a AMP – Associação de Músicos do Pantanal), Suplente: Jean Gabriel – Músico (Dimitri Pellz/Circuito Fora do Eixo);

Produtora – Titular: Letz Spindola – (Circuito Fora do Eixo/Bigorna Produções), Suplente: Demetrius (Músico e Produtor Musical).

17 – PI:

Artístico Criativo – Titular: Gilvan Santos; Suplente: Alexandre Naka;

Produtivo  – Titular: Dalmir Gomes; Suplente: Hernane Felipe;

Associativo – Titular: Humberto Barbosa; Suplente: Soraya Castello Branco.

Fórum Virtual Rede Música Brasil

roda_cultural_digital

No início de 2009, foi criado o fórum virtual Pró-Conferência Nacional de Música, com o objetivo de fomentar e organizar as discussões em torno das políticas públicas para a área musical, como preparação para a Conferência Nacional de Cultura, que se realizará em março de 2010.

Este movimento surgiu por iniciativa da sociedade civil organizada e o Centro de Música /Funarte logo o reconheceu como um ambiente privilegiado para a articulação do setor musical.

Em meados de 2009, o Fórum Pró-Conferência Nacional de Música foi então acolhido pelo recém criado programa Rede Música Brasil / Funarte, passando a se chamar Fórum Virtual Rede Música Brasil.

Atualmente ali está representada grande parte da cadeia produtiva/criativa da música brasileira. A partir das discussões realizadas no Fórum Virtual Rede Música Brasil, e da documentação gerada pelos Colegiados Setoriais, foi proposta a realização de quatro encontros presenciais para o aprofundamento e organização dos tópicos e assuntos específicos, no formato de grupos e sub-grupos de trabalho divididos em 4 macro-temas: 1-) circulação; 2-) formação; 3-) marcos legais (trabalhista e tributários); 4-) comunicação.

O Fórum Virtual Rede Música Brasil aliado ao Conselho Rede Música Brasil  – conselho formado por entidades musicais com representatividade nacional (SEBRAE, ABMI, ABEART, ABRAFIN, ABEM, ABER, ABPD, ARPUB, BM&A, CUFA, FNM, FED. DAS COOPERATIVAS DE MÚSICA, CIRCUITO FORA DO EIXO, CASAS ASSOCIADAS e MPB ) –  formam  a base  do Fórum Rede Música Brasil.

Ações do Fórum Rede Música Brasil:

•          1o. encontro RMB, em agosto de 2009, na Feira de Música do Ceará (Foratleza)

•          2o. encontro RMB, em setembro de 2009, no Festival Porão do Rock (Brasília)

•          3o. encontro RMB, em novembro de 2009, no Festival Goiânia Noise (Goiânia)

•          4o. encontro RMB, em dezembro de 2009, no Feira Música Brasil 2009 (Recife)

Circulação

circulaçãoGT 01: CIRCULAÇÃO – Este GT tem como objetivo a discussão dos diversos aspectos da circulação de música no país e no exterior debatendo o papel de entidades nacionais, feiras, casas de shows, festivais e eventos que fomentam a circulação, programas de exportação, editais de fomento, dentre outros assuntos de destaque que compõem o tema.

Sub GTs –

1.1 – Circuito de Festivais

1.2 – Circuito de Casas de Shows/Concerto

1.3 – “Banco de Artistas”

Comunicação

comunicacaoGT 02 – COMUNICAÇÃO – Este GT tem como objetivo discutir os aspectos da construção de uma rede de difusão que valorize, fortifique e entrelaçe novos meios e agentes de comunicação, dentro da perspectiva da democratização do acesso, da apropriação dos meios digitais e a relação com as mídias tradicionais.

Sub GTs:

2.1 – Rede Brasil de Difusão:

2.1.1 – Mapeamento e organização de ferramentas e iniciativas bem sucedidas para difusão da música brasileira. 2.1.2 – Desenvolvimento de estrutura digital para a RMB, baseada em novos paradigmas da cultura digital.

2.3 – Conferência Nacional de Comunicação: Debate sobre novo posicionamento

Legislação

legislacaoGT 03 – LEGISLATIVO – Este GT tem como objetivo a discussão dos diversos aspectos da legislação de música no Brasil passando pela avaliação e proposição de novos marcos legais que possam se adequar a nova realidade de produção, difusão e comercialização de música.

Sub GTs –

3.1 – Direito Autoral

3.2 – Legislação trabalhista e Previdenciária

3.3 – ReCultura

3.4 “Frente Parlamentar em Defesa da Música”

o Reforma da Lei Rouanet

o Reforma da Lei de Direitos Autorais

o PL do Plano Nacional de Cultura (PNC)

o PEC 150 (propõe a vinculação de receitas para a cultura nas três esferas da república)

o PEC 236 (propõe a inserção da cultura no rol dos direitos sociais do art. 6º da CF/88)

o PEC 416 (propõe a instituição do Sistema Nacional de Cultura)

o PEC 98/07 (propõe a desoneração/isenção dos impostos para a música)

o Meia-Entrada – unificação da carteirinha, subsídio(compensação) ao apoio pela Rouanet, definição de cotas, fiscalização, redução do valor do ingresso

Formação

formacaoGT 04 – FORMAÇÃO -Este GT tem como objetivo discutir os aspectos de formação profissional de músicos, técnicos e agentes da cadeia produtiva do setor. Além disso, irá debater a lei do ensino obrigatório de música nas escolas, dentre outros assuntos relevantes do tema.

Sub GTs –

4.1 – Ensino de música obrigatório nas escolas (Parâmetros Curriculares Nacionais em Arte)

4.2 – Criação da Rede de Capacitação e Qualificação

4.2.1 – Mapeamento de agentes e estruturação de conexões.

4.2.2 – Mapeamento das demandas e carências estaduais, regionais e nacionais (classificação de temas/assuntos geraes e específicos e de formatos de estruturação: oficina, curso, painel, manual).

Pular para a barra de ferramentas