Poesia e ancestralidade: J.Triste, poeta e homem do povo

Localizada na Rua 14 com a Avenida 52, na Vila Olinda, a praça que guarda o nome do poeta rio-clarense João Baptista Pimentel – J Triste é bem arborizada, conta com uma banca de jornais e é usada como local de encontro de moradores próximos e também usada por diversos comerciantes e carroceiros como ponto de parada.

A praça é uma das poucas que ainda guardam a placa com o nome do homenageado. O local recebeu o nome do poeta a partir de um pedido do então vereador Sérgio Guilherme. “Lembro que na festa tinha uma pessoa que sabia de cor as poesias do meu pai, foi uma festa muito bonita com música”, lembra o filho João Baptista Pimentel Júnior.

João Baptista Pimentel ficou conhecido por seu pseudônimo J Triste, embora o próprio filho afirme que o pai era uma pessoa alegre e brincalhona. “Na verdade, nunca soube por que meu pai usava o pseudônimo J Triste, pois ele era muito alegre, além de um grande charadista, cronista e dramaturgo”, fala.

O poeta nascido em Rio Claro atuou como gerente da Cooperativa dos Empregados da Companhia Paulista e, após uma cirurgia quando tinha cerca de 40 anos, ele perdeu a voz.

J Triste escreveu peças teatrais e publicou dois livros: No Meu Silêncio e Simplicidade. “Meu pai era um homem muito simples e humilde e os versos dele eram feitos para o povo. Ele tinha os versos bem lapidados”, lembra o filho.

João Júnior fala que fica feliz por saber que o pai recebeu essa homenagem. “Fico feliz não só por ser meu pai, mas por ser um homem simples, pobre, que não deixou fortuna, mas deixou os versos, e essa homenagem demonstra que Rio Claro também dá valor a isso”, fala.

“Essa homenagem foi um prêmio que envaidece, pois ele é o símbolo do homem humilde que foi exaltado”, fala.

O filho de J Triste conta que o pai gostava que lesse as poesias para que ele pudesse ouvir. “Ele tinha inspiração fácil, fazia muitas crônicas e tinha o prazer de escrever”, fala.

J Triste teve cinco filhos e morreu aos 82 anos.

TwitterWhatsAppFacebookGoogle+PinterestCompartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*