Durante sua apresentação no Simpósio Internacional de Políticas Públicas para Acervos Digitais, o diretor de projetos da Wikimedia alemã e membro do Comitê de Comunicação da Wikimedia Foundation, Mathias Schindler, já havia levantando a questão da licença realmente livre ser aquela que permita inclusive o uso comercial. Nesta entrevista em vídeo, gravada durante o evento que aconteceu em São Paulo, ele retoma o ponto dizendo que é preciso entender  o que realmente significa liberar o conteúdo para qualquer propósito. Para ele, a falta de consenso sobre “uso comercial” gera limitações que podem ser prejudiciais ao livre acesso ao conhecimento.

A Wikipedia é uma enciclopédia colaborativa online, mantida em mais de 250 idiomas que já abriga mais de 16 milhões de artigos. O volume de informação ainda é pequeno perto do que poderia ser, na avaliação do próprio Mathias, mas a plataforma vem crescendo a cada ano. “No ano passado ficou em quinto lugar entre os sites mais acessados do mundo. E era o único não comercial entre os 10 ou 20 primeiros da lista”, aponta.

Mathias fala ainda sobre a necessidade da preservação da memória digital. “É quase impossível reconstruir como eram os sites há 10 anos e isso gera um buraco de informação terrível. Quase não conseguimos saber como as informações chegaram às pessoas naquele tempo”. Ele cita o caso do 11 de setembro, quando com a queda das torres gêmeas o grande volume de acesso ao site derrubou o sistema, causando a perda de diversas colaborações. “E isso não poderá nunca ser reconstituído”, conta.

Tags: , ,