»

dez 05

Como Pagar o Imposto Automotivo?

Quem não sabe como pagar IPVA poderá conferir algumas instruções no post de hoje. Aprenda como pagar IPVA e fique em dia com esse imposto. Você dispõe de opções diferentes na hora de quitar o débito.

O pagamento do IPVA 2019 preocupa muitos contribuintes. É de suma importância se atentar aos prazos estabelecidos pelo Detran de cada estado para saber quando fazer o pagamento deste imposto. Hoje em dia temos muitos impostos para pagar e temos que optar sempre pela opção mais vantajosa.

Quem está em dúvida sobre como efetuar o pagamento desse imposto vai conferir aqui algumas informações a respeito desse processo. Cada estado se organiza de uma maneira diferente, mas sempre parecida. Não deixe de procurar informações sobre o seu veículo de acordo com Detran onde ele se encontra registrado.  Verifique mais sobre o pagamento do IPVA 2019 MG.

O QUE É IPVA?

O IPVA 2019 – Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotivos – é um imposto estadual e cobrado anualmente. O valor a ser pago varia de acordo com a alíquota de cada estado, a mesma pode variar entre 1% a 6%, de acordo com o veículo.

Todos os anos esse imposto passa por alteração de valor. Ao fazer a emissão da guia de pagamento você tem conhecimento sobre o valor a ser pago. As características do seu veículo é o que determinará o valor do imposto a ser pago.

Não temos um valor único para todos pagarem, esse o valor é calculado sobre alíquotas diferentes. Esse imposto é tido como um dos mais conhecidos e o governo de cada estado fica responsável pela administração do mesmo. Ele atinge todas as pessoas que possuem carro ou moto.

Todos os anos o Detran de cada estado faz recolhimento do IPVA e 50% do valor arrecadado é destinado ao município onde o veículo foi licenciado.

COMO PAGAR O IPVA?

Na hora de pagar esse imposto é de suma importância que o contribuinte consulte o calendário de pagamentos dia disponível pelo Detran de cada estado. Através desse calendário é possível se informar a respeito dos prazos para fazer a quitação do débito.

Fique de olho nos prazos e não deixe atrasar para que você não perca os descontos e nem pague juros pelo atraso. Você deverá emitir a guia de pagamento de acordo com o tipo de pagamento que será feito.

Descrevemos logo abaixo quais são as opções disponíveis a você:

  • pagamento parcelado – a opção permite que o contribuinte pague o imposto em até 3 vezes sem incidência de juros, desde que seja pago dentro do prazo de vencimento. O parcelamento só é feito em valores iguais para cada parcela;
  • pagamento a vista – o pagamento à vista permite que o contribuinte receba um desconto em cima do valor total que varia de acordo com cada estado. O desconto normalmente está entre 5% e pode chegar até 12%

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>


*

Pular para a barra de ferramentas