Precisamos conversar sobre isso!

Chegou a hora de colocar na roda este assunto que muitos escondem.

02.4

Por mais evoluído que o mundo esteja com o decorrer do tempo, seja em relação a pensamentos, costumes, relacionamentos, entre outras coisas, ainda há um viés que restringe as pessoas.

E está na hora de desmascarar quem é este viés que ainda restringe inúmeras pessoas de pensarem, conversarem e até mesmo terem contato com algumas coisas. O nome deste vilão é: TABU!

Exatamente, tabu. Caso você não saiba do que se trata a definição do termo tabu, eu trago ela aqui para você:


substantivo masculino

[Etnografia] Instituição religiosa que, atribuindo caráter sagrado a um objeto ou a um ser, proíbe qualquer contato com eles e até mesmo referência a eles.

[Por Extensão] Ação, objeto, pessoa e/ou lugar proibidos por uma lei ou cultura.

[Por Extensão] Proibição que leva alguém a não fazer alguma coisa por medo de castigo divino ou sobrenatural.

[Por Extensão] Comportamento cuidadoso que não tem justificação nem fundamento: sujeito cheio de tabus infundados.

Proibição religiosa ou controle social que restringe o uso de uma linguagem, de um gesto, comportamento: tabus sexuais.” (DICIONÁRIO AURÉLIO, 2018)


Se ainda não ficou claro: tabu refere-se a um determinado assunto que não se pode fazer uso, dizer ou comentar por restrições estabelecidas por crenças, religião, fé, pudor, respeito, entre outras situações.

Algo que diante da sociedade e principalmente por crenças e religiões, são considerados como não “normal”. Mesmo que os conceitos de normal e certo e errado, sejam exclusivos para cada indivíduo.

E há uma gama de assuntos que podem ser taxados como um tabu (na maioria das vezes, estão relacionados com situações do universo feminino), são exemplos deles: aborto, saúde mental, menstruação, identidade de gênero, divórcio, sexualidade, entre outros.

E um dos maiores tabus, onde muitos têm receio e pudor de falar sobre (e até mesmo de fazer), é o tabu do SEXO.

Sim, ainda é considerado como um tabu mesmo que todos façam (ou um dia irão fazer), mesmo que todos tenham vindo ao mundo através dele, mesmo que seja algo banal, ou que várias espécies também façam (e nem sempre é só para reprodução).

O sexo e o prazer sexual, são considerados como tabu. Mas chega disso. Abra sua mente e compreenda que não é porque não é falado com normalidade, ou que tenham conversas abertas a respeito, que o sexo seja algo ruim, ou que seja proibido, ou que fará com que denigra sua imagem.

Muito pelo contrário: o sexo é algo comum e um aliado do bem-estar humano. Não é uma necessidade vital, porém, decorrente do ato sexual, são liberados 3 hormônios responsáveis pelas sensações de prazer e felicidade, sendo eles: Dopamina, Serotonina e Ocitocina.

É importante ressaltar que os hormônios liberados pelo ato sexual, também são responsáveis por relaxar os músculos, diminuir o estresse, aliviar a tensão e em alguns casos, amenizar dores.

Mas vamos direto ao ponto: o que é sexo e os benefícios do mesmo, você já sabe. O assunto em xeque aqui, é de que maneira podemos incrementar o sexo deixando-o ainda mais irresistível.

A criatividade é uma a chave para fugir da rotina e experimentar coisas novas. Seja a dois, a três, solo… nunca é demais inovar na hora do prazer.

São inúmeros artigos sexuais existentes que podem deixar a coisa ainda mais picante, atendendo a todos os gostos.

Os produtos sexuais não seguem uma linha ou escala, mas procuram atender ao desejo daquele que consumir, por exemplo, há quem goste de coisas mais simples, como óleos de massagem, anel peniano, calcinhas comestíveis, lingerie, etc.

Assim como há aqueles que são mais fantasiosos e lúdicos, que vão em busca de máscaras, algemas, fantasias, dados eróticos, entre outros.

Para os mais radicais e ousados, também há produtos que suprem seu desejo, como por exemplo, produtos de sadomasoquismo, chicotes, cordas, entre outros artigos peculiares.

Saiba que não ficam restritos apenas a estes itens citados, há uma ampla variedade de produtos eróticos para atender a todos os fregueses.

Agora, se você tem vergonha (ou acha um tabu) ir até um sex shop em busca do artigo ideal, recomendo que você dê uma conferida no sex shop online Lady Love (https://www.ladylove.com.br/), nele é possível encontrar produtos incríveis e de ótima qualidade. Além é claro de frete grátis (com compras acima de R$199,00), embalagens discretas (não fazem referência a loja que comprou) e segurança total nas compras.

Deixe esse tabu sexual de lado e desfrute do novo e irresistível. Apimente sua relação. Seja sozinho ou acompanhado, nunca é demais uma dose extra de prazer.

Aproveite cada momento como se fosse último e não deixe de curtir tudo o que tem vontade por medo daquilo que dizem ser um impróprio. Sexo é Vida!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*